Erarico (em latim: Erarichus; em grego medieval: Εράριχος; romaniz.: Erárichos)[1] foi um rei ostrogótico da Itália de origem rúgia que reinou por alguns meses em 541.

Erarico
Rei ostrogótico da Itália
Reinado 541
Antecessor(a) Ildibaldo
Sucessor(a) Tótila
 
Morte 541

VidaEditar

 
1/4 de síliqua de Vitige (r. 536–540)

Erarico tinha origem rúgio e grande autoridade sobre seu povo. Em 541, servia no Reino Ostrogótico no exército gótico do rei Ildibaldo (r. 540–541) na guerra em curso contra o Império Bizantino. Na confusão deflagada pelo assassinado do rei em maio ou junho, Erarico foi proclamado rei pelos rúgios, mas aceito relutantemente pelos ostrogodos. Logo que ascendeu, enviou emissários a Constantinopla, dentre eles Cabalário, para negociar com o imperador Justiniano (r. 527–565) a paz nos termos acordados por Vitige em 540, ou seja, que os ostrogodos se retirariam para além do rio Pó. É dito, porém, que fez acordo secreto no qual renderia toda a Itália e abdicaria o trono em troca de alta soma em dinheiro e o título de patrício.[2] Nesse interim, os ostrogodos estavam incomodados pela inépcia dele na guerra e o implicaram na morte de Ildibaldo. Por esse motivo, foi assassinado em novembro ou dezembro e sucedido por Tótila.[3]

Referências

  1. Martindale 1992, p. 447.
  2. Martindale 1992, p. 447-448.
  3. Martindale 1992, p. 448.

BibliografiaEditar

  • Martindale, John R.; Jones, Arnold Hugh Martin; Morris, John (1992). «Erarichus». The Prosopography of the Later Roman Empire - Volume III, AD 527–641. Cambrígia e Nova Iorque: Imprensa da Universidade de Cambrígia. ISBN 0-521-20160-8