Ermengarda do Maine

Ermengarda do Maine, também conhecida como Eremburga de la Flèche (La Flèche, 1096Anjou, 14 de janeiro de 1126)[1] foi suo jure condessa de Maine e senhora do Château-du-Loir. Também foi condessa de Anjou pelo seu casamento com Fulque V.

Ermengarda
Senhora do Château-du-Loir
Condessa de Maine
Reinado 111014 de janeiro de 1126
Antecessor(a) Elias I
Sucessor(a) Godofredo
Condessa de Anjou
Reinado 11 de julho de 111014 de janeiro de 1126
Predecessor Bertranda de Monforte
Sucessor Matilde de Inglaterra
 
Nascimento 1096
  La Flèche, País do Loire, França
Morte 14 de janeiro de 1126 (30 anos)
  Anjou, França
Cônjuge Fulque V de Anjou
Descendência Matilde, Duquesa da Normandia
Godofredo V, Conde de Anjou
Sibila, Condessa de Flandres
Elias II do Maine
Casa La Flèche-de Baugency
Châteaudun (por casamento)
Pai Elias I do Maine
Mãe Matilde de Château-du-Loire

FamíliaEditar

Ermengarda foi a única filha do conde Elias I do Maine e de sua primeira esposa, Matilde do Château-du-Loir. Os seus avós paternos eram João de la Flèche e Paula do Maine. Os seus avós maternos eram Gervais do Château-du-Loir e Eremburga.

BiografiaEditar

Por um tempo indeterminado Ermengarda esteve noiva do conde Godofredo IV de Anjou, filho de Fulque IV de Anjou e de Ermengarda de Bourbon.

Antes da data de 14 de abril de 1109, ela tornou-se noiva do meio-irmão de Godofredo, Fulque V, filho de de Fulque IV e de Bertranda de Monforte. O casamento ocorreu em 11 de julho de 1110.

Em 1110, ela também sucedeu a seu pai como condessa do Maine. O casal teve quatro filhos, dois meninos e duas meninas.

Ermengarda faleceu com cerca de 30 anos de idade, em 14 de janeiro de 1126, em Anjou.

DescendênciaEditar

Referências