Owen Garriott: diferenças entre revisões

314 bytes adicionados ,  05h23min de 13 de outubro de 2008
atualização
m
(atualização)
Em [[1965]], foi selecionado como um dos cinco astronautas-[[cientistas]] da [[NASA]] e foi pela primeira vez ao espaço em [[1973]], na missão [[Skylab 3]], que quebrou o recorde de permanência em órbita, quando a tripulação passou dois meses realizando diversos estudos do[[ Sol]] e experiências sobre a adaptação humana à falta de [[gravidade]].
 
Dez anos depois, Garriott voltou ao espaço a bordo do [[ônibus espacial]] [[Columbia]], numa missão internacional de dez dias ao Spacelab-1. A missão [[STS-9]] realizou mais de setenta experiências científicas, principalmente para comprovar a capacidade do Spacelab como estação de trabalho capacitada a pesquisas de diversas áreas do conhecimento humano. ''Garriott'' operou a primeira estação de rádio-amador do espaço, que desde então se expandiu como uma importante atividade entre dezenas de missões dos ônibus espaciais, da estação [[Mir]] e da [[ISS]].
 
Após deixar a NASA em [[1986]], ele se dedicou à consultoria para empresas aeroespaciais e participou de diversos conselhos de pesquisas da NASA.
 
Em [[outubro]] de [[2008]], seu filho Richard, que se tornou[[ milionário]] no campo de [[video game|jogos eletrônicos]], pagou U$35 milhões para ir ao espaço na missão[[ Soyuz TMA-13]], para uma estadia na [[Estação Espacial Internacional]], que o pai nunca conheceu, tornando-se o sexto[[turista espacial]].