Abrir menu principal

Alterações

m
{{IPP}}A '''Escola Superior de Estudos Industriais e de Gestão''' (ESEIG) é uma escola superior do Instituto Politécnico do Porto, criada em 1990, localizada entre os concelhos de [[Póvoa de Varzim]] e [[Vila do Conde]], na freguesia de [[Argivai]].
 
Com uma população estudantil actual de 1300<ref>[http://www.eseig.ipp.pt/index.php?option=com_content&task=view&id=50&Itemid=54 eseig.ipp.pt] Consultado em Maio de 2008</ref> alunos, a ESEIG foi projectada para responder às mais evoluídas necessidades e exigências do ensino superior. As novas instalações em que a escola se encontra desde 2001 foram construídas de raiz e são um projecto do arquitecto portuense [[Filipe Oliveira Dias]].
 
A ESEIG ministra actualmente, no quadro do modelo do ''[[Declaração de Bolonha|Processo de Bolonha]]'', licenciaturas em:
 
* Contabilidade e Administração;
* Recursos Humanos;
* Gestão Administração Hoteleira;
* Ciências e Tecnologias da Documentação e da Informação;
* Design;
* Engenharia Biomédica;
* Engenharia e Gestão Industrial;
* Engenharia Mecânica;
 
mestrados em:
 
* Finanças Empresariais;
 
e pós-graduações em:
 
* Informação Empresarial;
* Gestão da Formação.
{{parcial|data=abril de 2012}}
{{wikificação|data=abril de 2012}}
 
== Arquitectura ==
{{parcial}}
=== Implantação e Concepção ===
{{wikificação}}
[[FicheiroImagem:ESEIG.jpg|thumb|ESEIG, Póvoa do Varzim.]]A escola, no seu conjunto, tem uma dimensão majestosa. A solução arquitectónica desenvolvida está alinhada com o eixo sul/norte, tal como se orientam os arcos situados no local, dos quase mil que constituem o belo e extenso aqueduto. Este desenvolvimento, que permite potenciar ao máximo a exposição solar, assenta em quatro edifícios, duas praças articuladas entre si e três entradas para o campus, com circulação a interligá-las.
 
=== O Campus, o Programa e os Edifícios ===
==Arquitectura==
* O primeiro edifício, a sul, com dois corpos sequenciais, com leitura de um só, ligeiramente desalinhado, marca uma das entradas, a porta do conjunto, e tem como função o apoio social, com cantina e bares, associação de estudantes, direcção e administração da escola e biblioteca.
===Implantação e Concepção===
* O segundo edifício, a nascente e com a forma em L, marca, em conjunto com o primeiro, no seu topo nascente-sul, uma segunda entrada, prevendo o futuro desenvolvimento local; tem também como função, num dos seus corpos, o ensino teórico, em salas de aula, e no outro a instalação de gabinetes dos docentes. Este edifício está interligado com o primeiro através de um passadiço aéreo.
[[Ficheiro:ESEIG.jpg|thumb|ESEIG, Póvoa do Varzim]]A escola, no seu conjunto, tem uma dimensão majestosa. A solução arquitectónica desenvolvida está alinhada com o eixo sul/norte, tal como se orientam os arcos situados no local, dos quase mil que constituem o belo e extenso aqueduto. Este desenvolvimento, que permite potenciar ao máximo a exposição solar, assenta em quatro edifícios, duas praças articuladas entre si e três entradas para o campus, com circulação a interligá-las.
* O terceiro edifício, a poente e igualmente em L, é estratégico, pois define, em conjunto com o corpo destinado aos docentes, as duas praças e tem como função o ensino prático, em laboratórios.
* O quarto edifício, a norte, é de um corpo só e marca o remate de uma praça e a terceira porta do campus. Tem como função albergar o auditório central / teatro. A localização permite o seu funcionamento em sessões destinadas ao público em geral, sem atravessar e devassar todo o Campus. Esta solução permite ainda que o piso das garagens não seja totalmente enterrado, já que um dos seus lados se assume como frente.
 
=== Solução Arquitectónica, as Praças, o Parque e o Auditório ===
===O Campus, o Programa e os Edifícios===
*O primeiro edifício, a sul, com dois corpos sequenciais, com leitura de um só, ligeiramente desalinhado, marca uma das entradas, a porta do conjunto, e tem como função o apoio social, com cantina e bares, associação de estudantes, direcção e administração da escola e biblioteca.
*O segundo edifício, a nascente e com a forma em L, marca, em conjunto com o primeiro, no seu topo nascente-sul, uma segunda entrada, prevendo o futuro desenvolvimento local; tem também como função, num dos seus corpos, o ensino teórico, em salas de aula, e no outro a instalação de gabinetes dos docentes. Este edifício está interligado com o primeiro através de um passadiço aéreo.
*O terceiro edifício, a poente e igualmente em L, é estratégico, pois define, em conjunto com o corpo destinado aos docentes, as duas praças e tem como função o ensino prático, em laboratórios.
*O quarto edifício, a norte, é de um corpo só e marca o remate de uma praça e a terceira porta do campus. Tem como função albergar o auditório central / teatro. A localização permite o seu funcionamento em sessões destinadas ao público em geral, sem atravessar e devassar todo o Campus. Esta solução permite ainda que o piso das garagens não seja totalmente enterrado, já que um dos seus lados se assume como frente.
 
===Solução Arquitectónica, as Praças, o Parque e o Auditório===
Nesta solução está ausente o conceito de frente e traseiras, e foram implantados elementos funcionais que são ao mesmo tempo referências que valorizam o conjunto, em qualquer abordagem. É o caso:
*da Da porta em arco, a sul;
*da Da passagem aérea suspensa, a nascente;
*do Do auditório, a norte;
*da Da torre no centro;
*da Da abertura da praça da torre, a poente, rematada por um lago.
 
A praça da torre inicia um percurso pedonal ao longo do lago e do parque, que convida ao lazer e reflexão. O parque, medianamente arborizado, tem percursos que permitem usufruir de uma relação privilegiada com os arcos e com o lago e viver momentos de descontracção no anfiteatro moderno, ao ar livre. Existem a apoiar todo o campus, três zonas distintas de estacionamento não coberto.
 
A praça da torre inicia um percurso pedonal ao longo do lago e do parque, que convida ao lazer e reflexão. O parque, medianamente arborizado, tem percursos que permitem usufruir de uma relação privilegiada com os arcos e com o lago e viver momentos de descontracção no anfiteatro moderno, ao ar livre. Existem a apoiar todo o campus, três zonas distintas de estacionamento não coberto.
===Áreas===
 
=== Áreas ===
*31 544 m² (terreno)
*18 75031 544 m² (edificaçãoterreno)
* 18 750 m² (edificação)
 
{{referências|Notas}}
 
== {{Ligações externas}} ==
* [http://www.eseig.ipp.pt ESEIG]
* [http://www.ipp.pt Politécnico do Porto]
 
{{DEFAULTSORT:Escola Superior Estudos Industriais Gestão}}
[[Categoria:Instituto Politécnico do Porto]]
[[Categoria:Argivai]]
9 084

edições