Peteca: diferenças entre revisões

3 bytes removidos ,  16h51min de 6 de outubro de 2017
m
sem resumo de edição
m (Protegeu "Peteca": Vandalismo excessivo (progressivo) ([Editar=Permitir apenas utilizadores autoconfirmados] (expira a 00h47min de 4 de fevereiro de 2018 (UTC)) [Mover=Permitir apenas utilizadores autoconfirmados] (expira a 00h47min d...)
m
== História ==
=== Brasil ===
Segundo os registros do passado, mesmo antes da chegada dos portugueses ao Brasil, os nativos já jogavam peteca como forma de recreação, paralelamente, aos seus cantos, suas histórias. Consequentemente, nossos antepassados foram-nos transmitindo essa salutar atividade.
 
Coube a Minas Gerais a primazia de dar-lhe o formato da peteca típica de jogo, com quatro penas brancas presas a uma base e conectadas a um fundo feito com diversas camadas finas de borracha. Foi também em Minas Gerais que as regras do jogo foram criadas, assim como foi também no estado que surgiram as primeiras quadras e a prática ganhou sentido competitivo, com campeonatos internos em diversos clubes de Belo Horizonte.
 
=== No mundo ===
Alguns atletas que representavam o Brasil nos [[Jogos Olímpicos de Verão de 1920|Jogos Olímpicos]] de 1920, na [[Antuérpia]], levaram petecas para fins recreativos. A atividade atraiu a atenção de competidores de outros países, que demonstraram interesse nas regras, ainda inexistentes, desse esporte. Revela-nos o registro da época que o chefe da delegação brasileira, José Maria Castelo Branco, viu-se, momentaneamente, embaraçado pelas insistentes perguntas dos atletas finlandeses, interessados na nova atividade desportiva.
 
Em 1936, o professor de esportes alemão Karlhans Krohn, durante um passeio por [[Copacabana]], observou os jovens jogando peteca e a introduziu em seu país. Posteriormente, Heinz Karl Kraus tratou de juntar os inúmeros clubes alemães dentro de uma só federação, a Liga Alemã de Esportes (DTB).
Em agosto de 2001 foi realizado, na [[Estônia]], o primeiro campeonato mundial de peteca, sendo realizado, neste mesmo país-sede, o segundo campeonato em [[2006]].
 
Atualmente, milhares de aficionados, de qualquer idade, dedicam horários diários para jogar peteca em clubes, escolas, nas praias, nos bosques, em quadras residenciais e nos [[igapó]]s. Como positivo respaldo, há muitas publicações como livros, revistas, informativos, panfletos e reportagens que enfatizam as vantagens da prática desse esporte e que pode ser jogado por crianças e adultos sem limite de idade, sendo sadio e atraente para os dois sexos, sem choques, sem acidentes cuja velocidade é decorrente da homogeneidade dos contendores.
 
== Ver também ==