Diferenças entre edições de "Veneração"

12 bytes adicionados ,  13h18min de 28 de dezembro de 2017
m (Desfeita(s) uma ou mais edições de Yale.r, com Reversão e avisos)
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
 
== Perspectiva protestante ==
As igrejas que praticam a veneração são comummente condenadas ou criticadas pelas religiões [[protestante]]s em geral (pois afirmam que a veneração trata-se de adoração) aos Santos e à Santíssima Virgem Maria. Logo, para os integrantes dessas religiões, o culto de veneração seria considerada como [[idolatria]]. Em alguns casos esta acusação provoca atos de intolerância e violência por parte de protestantes,<ref>Van der Horst, Han (2000). Nederland, de vaderlandse geschiedenis van de prehistorie tot nu (in Dutch) (3rd ed.). Bert Bakker. pp. 133. ISBN 90-351-2722-6.</ref> como o ''"[[Beeldenstorm]]"'' (a [[Controvérsias no Protestantismo#Destruição de imagens na Holanda|destruição de esculturas na Holanda]])<ref>Spaans, J. ''"Catholicism and Resistance to the Reformation in the Northern Netherlands".'' In: Benedict, Ph.</ref> e o "[[Chute na Santa]]".<ref>Epstein, Jack (1995-11-24). [http://www.rickross.com/reference/universal/universal3.html "Kicking of icon outrages Brazil Catholics"]. ''The Dallas Morning News''. Visitado em 6 de janeiro de 2009.</ref> A Igreja Evangélica na Alemanha (''EKD'') em 2016, devido a aproximação do aniversário de 500 anos da Reforma, pediu desculpas aos católicos, dentre outras coisas, pela destruição de "pinturas, esculturas e vitrais na Alemanha, na Suíça, na Inglaterra e na Holanda", repudiando todo tipo de violência religiosa contra a Igreja Católica.<ref>{{Citar web| url=https://noticias.gospelprime.com.br/luteranos-desculpas-catolicos-reforma/| último = | primeiro = | título = Luteranos se desculpam com católicos por atos da Reforma|acessodata=24 de janeiro de 2016| obra =Gospel Prime.com}}</ref>
 
==Notas de rodapé==
Utilizador anónimo