Diferenças entre edições de "Emily Ryerson"

1 byte removido ,  13h42min de 6 de março de 2018
m
"à elas" não existe.
m (traduzindo nome/parâmetro nas citações, outros ajustes)
m ("à elas" não existe.)
Ryerson, seu esposo Arthur e três de seus filhos: Suzette, Emily e John, embarcaram no [[MS| itanic]] como passageiros da Primeira Classe em [[Cherbourg-Octeville]], [[França]], após saberem da morte de seu filho Jr., estudante universitário na [[Universidade Yale]], que tinha morrido em um acidente de carro nos [[Estados Unidos da América|Estados Unidos]]. Com a família estavam a criada, Victorine Chaudanson e a governanta de John, Grace Scott Bowen.
 
Na tarde de 14 de abril de 1912, a passageira [[Marian Thayer|Marian Longstreth Thayer]] convidou Ryerson para um passeio. Foi a primeira vez que ela foi ao Convés em público. Após quase uma hora, sentaram nas cadeiras do lado de fora da Grande Escadaria do Convés 'A' para assistir ao pôr do Sol. O presidente da [[White Star Line]], [[J. Bruce Ismay]], se juntou àa elas e as contou sobre avisos de [[gelo]] vindos do [[RMS Baltic (1903)|RMS Baltic]].
 
Ryerson acordou quando o ''Titanic'' atingiu um [[iceberg]] às 23:40 de 14 de abril de 1912. Ela acordou seu marido, filhos, a governanta e a criada.