Abrir menu principal

Alterações

1 byte adicionado ,  16h58min de 19 de março de 2018
sem resumo de edição
Na [[Nominália dos Cãs Búlgaros]], Cubrato aparece como "Kurt" do [[clã Dulo]]. Uma lenda posterior descreve-o como sendo descendente de [[Átila, o Huno|Átila]]. Alguns historiadores defendem que sua linhagem materna seja a do clã [[Ermy]], possivelmente o clã de seu tio materno [[Organa]]<ref>[[Vasil Zlatarski]], ''History of Bulgaria''</ref>. Na história húngara, o grão-príncipe dos [[onogures]], [[Árpád]] Almos, era da linhagem de Cubrato e o fundador do império húngaro na Europa<ref>The Thirteenth Tribe: The Khazar Empire and its Heritage;Koestler, Arthur</ref>.
 
Cubrato passou algum tempo na corte bizantina, como refém ou refugiado de alguma guerra dinástica no [[Caganato Túrquico]]. Segundo o relato do historiador bizantino [[João de NikiuNiquiu]]:
 
{{citação2|Quetrades (Cubrato), o príncipe dos [[MaoTun|mutanes]] ([[hunos]]) e um sobrinho de [[Hernaco|Cuemaca]] ([[Organa]]), foi batizado criança e foi educado em [[Constantinopla]]; e foi recebido na comunidade cristã ainda jovem e cresceu no palácio imperial em Constantinopla. Ele era o amigo mais íntimo do [[imperador bizantino]] [[Heráclio]]<ref>[[João de NikiûNiquiu]], [http://www.tertullian.org/fathers/nikiu2_chronicle.htm ''Chronicle'']</ref>}}
 
Se ele era uma criança ou um adulto neste período que passou em Constantinopla, não se sabe, uma vez que não se sabe o ano em que nasceu. O período exato também é desconhecido, mas, provavelmente, coincidiu com o reinado do imperador [[Heráclio]] {{nwrap|r.|610|641}}. Foi provavelmente nesta época que ele recebeu o título de [[patrício]].