Diferenças entre edições de "Consistório Ordinário Público de 2018"

Sem alteração do tamanho ,  08h18min de 29 de julho de 2018
 
Nesta Consistório estão 11 nações representadas, com três novos cardeais da [[Itália]] (todos eleitores), dois da [[Espanha]] (um eleitor e um emérito) e um, respectivamente, do [[Iraque]], [[Polônia]], [[Paquistão]], [[Portugal]], [[Peru]], [[Madagascar]], [[Japão]] (eleitores) e [[Bolívia]] e [[México]] (eméritos).
 
Após este Consistório o número total de membros do Colégio Cardinalício ascendeu a 226 Cardeais, incluindo 125 Cardeais Eleitores e 101 Cardeais Eméritos.
 
Dos 14 Cardeais criados neste Consistório constam 1 Cardeal-Bispo (de rito oriental), 9 Cardeais-Presbíteros e 4 Cardeais-Diáconos.
 
Após este Consistório o número total de membros do Colégio Cardinalício ascendeu a 226 Cardeais, incluindo 125 Cardeais Eleitores e 101 Cardeais Eméritos.
 
Neste Consistório o Papa Francisco deliberou também a elevação de 4 Cardeais de rito latino à [[Cardeal-bispo|Ordem dos Cardeais-Bispos]], sendo extranumerários face aos Cardeais-Bispos das Dioceses Suburbicárias, mas equiparados a estes. Dos novos Cardeais-Bispos, 3 eram anteriormente Cardeais-Presbíteros e 1 era Cardeal-Diácono.