Pemba (Tanzânia): diferenças entre revisões

421 bytes adicionados ,  17 de agosto de 2018
sem resumo de edição
m (Página marcada como sem fontes secundárias fiáveis, usando FastButtons)
A ilha de Pemba tem melhores [[solo]]s que a de Zanzibar e, por isso, a actividade tradicionalmente mais importante é a [[agricultura]], com o [[cravo da Índia]] sendo a sua produção e produto de [[exportação]] principal. No entanto, a ilha do norte está igualmente a tornar-se um destino [[turismo|turístico]] importante.
 
==História==
Desde o [[século XVI]], com a instalação dos [[Portugal|portugueses]] em Zanzibar, e depois até à unificação daquela ilha com o [[Tanganica]], em [[1960]], a ilha de Pemba foi tradicionalmente administrada pela ilha maior. Neste momento, Pemba está dividida em duas [[Subdivisões da Tanzânia|regiões administrativas]]: [[Pemba Norte]] e [[Pemba Sul]].
A ilha pertenceu ao império português desde o [[século XVI]], com a primeira instalação dos [[Portugal|portugueses]] em Zanzibar, e durante cerca de 200 anos.
 
A unificação daquela ilha com o [[Tanganica]] deu-se em [[1960]]. A ilha de Pemba foi sempre tradicionalmente administrada pela ilha maior.<br>
Neste momento, Pemba está dividida em duas [[Subdivisões da Tanzânia|regiões administrativas]]: [[Pemba Norte]] e [[Pemba Sul]].
 
==Património==
* Museu de Pemba
 
==Tradições==
* Kirumbizi - dança marcial/arte que envolve o uso de bastões, enquanto músicos acompanham os competidores. Teve origem no treino ''guerrilla'' contra o domínio português<ref>https://www.bbc.com/news/world-africa-45111222?SThisFB</ref>.
* Touradas
 
{{referências}}
== Ligações externas ==
* [http://www.zanzinet.org/zanzibar/pemba/pemba.html Zanzinet – Pemba]
 
 
{{esboço-geo-áfrica}}
[[Categoria:Ilhas da Tanzânia]]