Diferenças entre edições de "Joan Scott"

163 bytes adicionados ,  08h24min de 25 de abril de 2019
Resgatando 2 fontes e marcando 0 como inativas. #IABot (v2.0beta14)
m (v1.43b - Corrigido usando WP:PCW (Cabeçalho termina com dois pontos))
(Resgatando 2 fontes e marcando 0 como inativas. #IABot (v2.0beta14))
}}
 
'''Joan Wallach Scott''' é uma [[historiadora]] [[Estadunidenses|Norte-americana]], nascida em 18 dezembro de 1941 no [[Brooklyn]], cujo trabalho, inicialmente dedicado à [[história francesa]] ([[movimento operário]] e [[história intelectual]]) foi direcionado na [[década de 1980]] para a [[história das mulheres]] a partir da perspectiva de [[Gênero_(sociedade)|gênero]]<ref>SIQUEIRA, Tatiana Lima. [http://www.pibid.ufpr.br/pibid_new/uploads/edfisica2011/arquivo/87/joan_scott.pdf Joan Scott e o papel da história na construção das relações de gênero] {{Wayback|url=http://www.pibid.ufpr.br/pibid_new/uploads/edfisica2011/arquivo/87/joan_scott.pdf |date=20160303194744 }}. '''Revista Ártemis''', vol. 8, jun. 2008, p. 110-117.</ref>. Ela atualmente ocupa a cadeira [[Harold F. Linder]] na [[Instituto de Estudos Avançados de Princeton]].
 
Entre suas publicações mais notáveis está o artigo ""Gênero: uma categoria útil de análise histórica"", publicado em 1986 no [https://web.archive.org/web/20170821174541/http://www.indiana.edu/~ahrweb/index.html American Historical Review] Este artigo, "sem dúvida, um dos artigos mais lidos e citados na história da revista"<ref>http://www.historians.org/Perspectives/issues/2008/0812/0812new5.cfm</ref>, foi essencial na formação de um campo de história de gênero dentro dos [[estudos históricos anglo-americanos]]. O artigo foi traduzido para o português<ref>[http://disciplinas.stoa.usp.br/pluginfile.php/6393/mod_resource/content/1/G%C3%AAnero-Joan%20Scott.pdf ''apud'' Scott, J.''Gênero uma categoria útil de análise histórica.'' Recife: SOS Corpo,1991]</ref> e é referência teórica importante no estabelecimento dos [[estudos de gênero]] no Brasil.
 
==Carreira Acadêmica==
230 299

edições