Diferenças entre edições de "Hispânia Tarraconense"

m
Desfeita(s) uma ou mais edições de Lojwe
Etiqueta: Revertida
m (Desfeita(s) uma ou mais edições de Lojwe)
Etiquetas: Reversão manual Reversão e Avisos
 
* {{ilc|Píncia||Pintia}} ([[Padilla de Duero]], [[Valhadolide (província)|Valhadolide]]),
* [[Intercácia]] ([[Montealegre de Campos]], Valhadolide), Município Flávio?
* [[Albócela]] ([[Villalazán]], [[Província de SamoraZamora|SamoraZamora]]) Município Augusto?
* [[Septimanca]] ([[Simancas]], Valhadolide)
* [[Rauda (Hispânia)|Rauda]] ([[Roa (Burgos)|Roa]], Burgos), Município Flávio?
* [[Confluenta]] ([[Duratón]], Segóvia), Município Flávio
* Segóvia ([[Segóvia]]), Município Flávio
* [[Brigeco]] (Dehesa de Morales de las Cuevas, [[Castro Gonzalo]], [[Província de SamoraZamora|SamoraZamora]]), Município Flávio
* [[Astúrica Augusta]] ([[Astorga (Espanha)|Astorga]], [[Província de Leão|Leão]]), Município de Augusto?
* [[Légio]] ([[Leão (Espanha)|Leão]]), ''[[cannava]]'' da [[VI Legião Vitoriosa]] e depois da [[X Legião Gêmea]]
 
* A [[VI Legião Vitoriosa]] (até o seu translado à [[Germânia]] em 70 por ordem de [[Vespasiano]]) em [[Leão (Espanha)|Légio]] (atual Leão);
* A [[X Legião Gêmea]] (até ser enviada à [[Panônia]] em 63 por [[Nero]]) em {{ilc|Petavônio||Petavonium}} ([[Rosinos de Vidriales]], SamoraZamora);
* A [[IV Legião Macedônica]] (até ser transferida à Germânia em 43 por ordem de [[Cláudio]]) em [[Pisoraca]] ([[Herrera de Pisuerga]], Palência).
[[Imagem:LadrilloLVIIGFP.JPG|thumb|esquerda|250 px|Ladrilho com a ''figlina'' ''L(egio) VII G(emina) GORD(iana) P(ia) F(elix)'', procedente de ''Legio'', que indica a presença da VII Gemina em meados do {{séc|III}} na Tarraconense]]
Adscritas à VII Legião Gêmea Feliz, desde, ao menos, o último quartel do {{séc|I}}, estiveram cinco unidades auxiliares, uma ala de cavalaria, duas cortes montadas (''equitatae'') e duas coortes de infantaria (''peditatae''), que foram as seguintes:
 
* {{ilc|II Ala Flávia de Hispanos Cidadãos Romanos||Ala II Flavia Hispanorum civium romanorum}}, acantonada em Petavônio (Rosinos de Vidirales, SamoraZamora);
* {{ilc|I Coorte de Cidadãos Romanos Celtiberos Montados||Cohors I Celtiberorum Equitata civium romanorum}}, com base em [[Sobrado dos Monxes]] (Corunha), no território do Município [[Flávio Brigâncio]];
* {{ilc|I coorte Gálica Montada de Cidadãos Romanos||Cohors I Galica Equitata civium romanorum}}, acampada em Pisoraca, (Herrera de Pisuerga, Palência);
A província, a partir da [[década de 1970]], na zona de [[La Rioja (Espanha)|La Rioja]], com centro no Município [[Trício, a Grande]] ([[Trício (Espanha)|Trício]]), manteve um importantíssimo centro de produção oleira, que perduraria até bem entrado o {{séc|VI}}, fabricando a cerâmica de luxo ''[[terra sigillata]] Hispanica'', que foi distribuída por toda a Península, o Norte da África, a [[Gália]], [[Britânia (província romana)|Britânia]] e o ''limes'' [[rio Reno|renano]]. O movimento econômico gerado foi tão importante que em Trício existiu um portório para arrecadar o imposto chamado ''centessima rerum venalium''.
 
No capítulo da produção [[cerâmica]], vale a pena resenhar também os alfares de cerâmica comum de [[Melgar de Tera]] (SamoraZamora), que começaram a funcionar no {{séc|I}} em relação a o abastecimento das tropas imperiais acantonadas em Petavônio, e com a venda de olaria à população civil do ambiente. As suas produções atingiram ''Legio'' e estiveram em funcionamento até o {{séc|IV}}. Também destacaram-se as instalações de produção de ''Terra Sigilata Hispana'' e cerâmica pintada de tradição celtibérica de {{ilc|Uxama Argela||Uxama argaela}} ([[Burgo de Osma]]-[[Osma]], [[Sória]]), cuja distribuição abarcou todo o Vale do Douro e a parte Oriental do vale do Ebro.
 
A agricultura de tipo mediterrâneo - olival, vinhedo e cereal - foi especialmente florescente em todas as comunidades da zona levantina, destacando-se a articulação de uma importante zona de regadio na parte média do vale do Ebro, entre Vareia e César Augusta, como provam o [[Bronze de Agón]] e os importantes vestígios de infra-estruturas hidráulicas documentadas em toda esta zona.
101 278

edições