Sucata: diferenças entre revisões

sem resumo de edição
m (Foram revertidas as edições de Simoneh Meioambiente para a última revisão de 187.32.2.1, de 2019-02-12T11:52:01 (UTC))
Etiqueta: Reversão
'''Sucata''' (do [[Língua árabe|árabe]] ''suqaTa'') ou [[Resíduo sólido|resíduo]], segundo a legislação fiscal ([http://www.fazenda.df.gov.br/aplicacoes/legislacao/legislacao/TelaSaidaDocumento.cfm?txtNumero=18955&txtAno=1997&txtTipo=6&txtParte=ANEXO%2004%20CADERNO%2002 Decreto Nº 18.955/1997, anexo IV]), é considerada "a mercadoria que se tornar definitiva e totalmente inservível para o uso a que se destinava originariamente e que só se preste ao emprego, como matéria-prima, na fabricação de outro produto. Não se considera sucata ou resíduo, ficando, portanto, as operações respectivas sujeitas às normas gerais previstas na Legislação, a mercadoria usada, mesmo que parcialmente danificada, que ainda possa ser utilizada na sua destinação originária, sendo, neste caso, irrelevante a destinação específica que lhe venha a ser dada pelo adquirente.” Sendo assim, '''"sucata é qualquer resíduo cuja utilização é inviável para sua proposta inicial, porém é reciclável e passível de utilização em outros sistemas produtivos'''".<ref>{{Citar web|titulo=Sucata: Entenda a diferença entre ferrosa e não-ferrosa|url=http://blog.brpolen.com.br/diferenca-entre-sucata-ferrosa-e-nao-ferrosa/|obra=Blog da Polen - Tudo sobre resíduos!|data=2019-02-08|acessodata=2019-02-12|lingua=pt-BR}}</ref>
 
O termo se refere não apenas a objetos metálicos (ferro, aço, cobre, alumínio, zinco, magnésio etc.), mas também a objetos não metálicos (papel, vidro, plástico, borracha etc.). As mais categorias de sucata conhecidas são:
* '''Sucata de Eletrônicos:''' computadores, baterias, celulares, pilhas, televisores, monitores, etc.<ref>{{Citar web|titulo=Compra e Venda de Sucata: entenda esse mercado!|url=http://blog.brpolen.com.br/compra-e-venda-de-sucata-entenda-esse-mercado/|obra=Blog da Polen - Tudo sobre resíduos!|data=2018-06-22|acessodata=2019-02-12|lingua=pt-BR}}</ref>
 
Entretanto, popularmente, a denominação costuma ser associada à '''sucata metálica (metais ferrosos e metais não-ferrosos)''', que representa todo o tipo de peça [[Metal|metálica]] que foi inutilizada devido a uso ou [[oxidação]] mas que pode ser [[Fundição|refundida]] para utilização posterior ([[reciclagem]]) por exemplo na [[indústria]].<ref>FERREIRA, A. B. H. ''Novo Dicionário da Língua Portuguesa''. 2ª edição. Rio de Janeiro. Nova Fronteira. 1986. p. 1 624.</ref> Elas são as maiores responsáveis por aquecer o [http://blog.brpolen.com.br/compra-e-venda-de-sucata-entenda-esse-mercado/ Mercado de Sucata]. Segundo [https://www.transparencymarketresearch.com/pressrelease/metal-recycling-market.htm artigo do Transparency Market Research], o mercado de sucata global movimentou cerca de '''US$ 713.044 bilhões''' em 2017, podendo atingir '''US$ 979 bilhões''' em 2026.
[[File:Aluminium waste and LPG bottles at Hatfield Broad Oak Essex England.JPG|thumb|Sucata composta por vigas de alumínio e cilindros de gás liquefeito em [[Essex]], na [[Inglaterra]]]]
 
{{Commons|Category:Scrap}}
{{esboço-objeto}}