Estação Assemblée Nationale

estação do Metropolitano de Paris

Assemblée Nationale é uma estação da linha 12 do Metrô de Paris, localizada no 7.º arrondissement de Paris.

Assemblée Nationale
Estação Assemblée Nationale
Uso atual Estação de metropolitano
Administração RATP Metropolitano de Paris
Linhas Linha 12
Código 10-13
Tipo de estação Subterrânea
Plataforma 2
Informações históricas
Nome antigo Chambre des députés
Inauguração 5 de novembro de 1910
Localização
Localização boulevard Saint-Germain
Próxima estação
Sentido Mairie d'Aubervilliers
Sentido Mairie d'Issy
Assemblée Nationale

História editar

A estação foi inaugurada em 5 de novembro de 1910. Ele se situa no boulevard Saint-Germain entre a rue de Lille e a rue de l'Université.

A entourage de ferro forjado dos acessos é característico do estilo da Compagnie Nord-Sud.

Ele foi chamada Chambre des députés até 30 de junho de 1989. Ela recebeu em seguida seu nome atual, mais de acordo com a designação oficial da primeira câmara do parlamento francês na Quinta República. Antes os professores de direito constitucional poderia dizer a seus alunos: Sous la Cinquième république la Chambre des députés n'est qu'une station de métro (Na Quinta República, a Câmara dos Deputados é apenas uma estação de metrô).

Em 1990, o desenvolvimento da estação que está a cargo do artista francês Jean-Charles Blais. Ele inventou um dispositivo constituído de um gigantesco friso de cartazes impressos e renovados periodicamente. Estas imagens constituem um conjunto de grandes cabeças pretas sobre um fundo colorido. Livre de publicidade, ela é o objeto de transformações regulares para o efeito de relançamento de formas e cores.

Desde 2004 (e até 2014), Jean-Charles Blais foi de novo convidado a imaginar uma nova série de imagens destinadas a renovar este dispositivo. Esta segunda versão é intitulada "a Câmara dupla". Composta de formas mais livres, esse afresco se sucede a si mesmo pela declinação das variações cromática e formais que a singulariza; a cada três meses, esta reafetação cria um efeito de surpresa para os passageiros.[1]

Um grande fragmento (cerca de 25 metros) de lançamento da estação foi restaurada pelo Museu de Arte Moderna (MoMA), de Nova York no âmbito da exposição "Thinking Print"[2] em 1996.

Na ocasião do quinquagésimo aniversário da constituição da Quinta República, em setembro de 2008, um parêntese neste dispositivo artístico foi encomendado pela agência Curius para instalar por um período de três meses os retratos dos presidentes da República Francesa e os principais eventos relacionados com a França e os transportes.[3][4]

Em 2011, 1 085 710 passageiros entraram nesta estação.[5] Ela viu entrar 739 282 passageiros em 2016, o que a coloca na 294a posição das estações de metrô por sua frequência em 302.[6][7]

Em 28 de setembro de 2016 Claude Bartolone, presidente da Assembleia Nacional, e Elisabeth Borne, presidente da RATP, inauguraram a nova decoração da estação. Ela convida os passageiros a uma imersão no local em que se exerce a soberania nacional. Em cada plataforma, cinco temas são assim declinados através de visuais específicos e de vídeos em telas que são inseridas nas telhas:

  • na plataforma em direção de Front Populaire: Valores, História, Cidadania, Sociedade e Democracia;
  • na plataforma em direção de Mairie d'Issy: República, Leis, Deputados, Reuniões públicas e Debates;
  • finalmente as telas de vídeo apresentando a sessão pública em andamento.[8][9]

Serviços aos Passageiros editar

Acesso editar

  • Acesso 1, Boulevard Saint-Germain: uma escadaria no 239 do boulevard Saint-Germain
  • Acesso 2, Rue de Lille: uma escada no 278 do boulevard Saint-Germain
  • Acesso 3, Rue de l'Université: uma escadaria no 233 do boulevard Saint-Germain

Intermodalidade editar

A estação é servida pelas linhas 24, 63, 73, 83, 84 e 94 da rede de ônibus RATP e, à noite, pelas linhas N01 e N02 do Noctilien.

Pontos turísticos editar

Galeria de fotografias editar

Ver também editar

Oeste ou norte Leste ou Sul
Concorde
sentido Mairie d'Aubervilliers
  Linha 12 Solférino
sentido Mairie d'Issy

Referências

  1. Communiqué de presse du 26 septembre 2008 sur le site de l'Assemblée Nationale. Consultado em 27 de junho de 2012.
  2. Encyclopédie audiovisuelle de l'art contemporain - Fiche sur Jean-Charles Blais, em imagoartvideo.perso.neuf.fr. Consultado em 27 de junho de 2012.
  3. 20 minutes - Sarkozy mesure deux mètres dans le métro Arquivado em 30 de abril de 2009, no Wayback Machine..
  4. Ville & Transports-Magazine (éditions de La Vie du rail), 15 de outubro de 2008.
  5. Entradas anuais provenientes de fora da estação (via pública, correspondências de ônibus, rede SNCF, etc.) Arquivado em 18 de julho de 2014, no Wayback Machine., no site data.ratp.fr. Consultado em 5 de novembro de 2012.
  6. Tráfego anual de entradas por estação da rede férrea 2016 – Métro ASSEMBLEE NATIONALE, no site data.ratp.fr, consultado em 7 de julho de 2016.
  7. O número de 302 estações não inclui a estação fictícia Funicular de Montmartre. Esta última é de fato considerada como uma estação de metrô (e dois pontos de parada) pela RATP e anexada estatisticamente à linha 2, razão pela qual a RATP anuncia 303 estações e não 302 em 2013.
  8. Claude Bartolone (28 de setembro de 2016). «Communiqué de presse du président de l'Assemblée nationale». assemblee-nationale.fr. Consultado em 29 de maio de 2017 .
  9. «La station Assemblée nationale dévoile son nouveau décor». ratp.fr. 28 de setembro de 2016. Consultado em 29 de maio de 2017. Arquivado do original em 4 de novembro de 2016 .
 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Estação Assemblée Nationale