Estado-Maior da Armada

O Estado-Maior da Armada MHTE (EMA) é o órgão multidisciplinar de apoio à decisão do comando da Marinha Portuguesa. É chefiado por um vice-almirante com o título de "Vice-Chefe do Estado-Maior da Armada".

Estado-Maior da Armada

Coat of arms of Portugal.svg
Organização
Natureza jurídica Órgão multidisciplinar da Marinha
Atribuições Apoio à decisão do comando da Marinha
Dependência Ministério da Defesa Nacional
Marinha Portuguesa
Chefia Vice-almirante Rui Cardoso de Telles Palhinha, Vice-Chefe do Estado-Maior da Armada
Localização
Jurisdição territorial Portugal Portugal
Sede Lisboa
Histórico
Criação 1918

De observar que o comandante da Marinha mantém a designação tradicional de "Chefe do Estado-Maior da Armada", apesar de já não lhe competir a chefia direta deste órgão.

A 4 de novembro de 2018, foi agraciado com o grau de Membro-Honorário da Ordem Militar da Torre e Espada, do Valor, Lealdade e Mérito. A 10 de junho de 2021, foi agraciado com o grau de Membro-Honorário da Ordem Militar de Cristo.[1]

OrganizaçãoEditar

O Estado-Maior da Armada organiza-se em seis divisões:

  1. Divisão de Pessoal e Organização;
  2. Divisão de Informações;
  3. Divisão de Operações;
  4. Divisão de Logística do Material;
  5. Divisão de Planeamento;
  6. Divisão de Comunicações e Sistemas de Informação.

Lista de oficiais que exerceram a chefia do Estado-Maior da ArmadaEditar

Major-general da Armada (1918-1919)Editar

Posto Nome Tomada de posse
Vice-almirante Álvaro António da Costa Ferreira 9 de junho de 1915

Chefes do Estado-Maior Naval (1919-1921)Editar

Posto Nome Tomada de posse
Contra-almirante Manuel Eduardo Correia 30 de outubro de 1919
Vice-almirante Pedro de Azevedo Coutinho 16 de março de 1927

Chefe do Estado-Maior da Armada (1921-1930)Editar

Posto Nome Tomada de posse
Contra-almirante Inácio Frederico Loforte 5 de dezembro de 1921

Chefes do Estado-Maior Naval (1930-1955)Editar

Posto Nome Tomada de posse
Contra-almirante Luís Constantino Lima 31 de dezembro de 1930
Contra-almirante José Dionísio Carneiro de Sousa e Faro 23 de dezembro de 1931
Contra-almirante Luís António de Magalhães Correia 11 de outubro de 1932
Contra-almirante João Augusto de Oliveira Muzanty 22 de maio de 1934
Contra-almirante António de Macedo Ramalho Ortigão 8 de julho de 1937
Contra-almirante Alfredo Botelho de Sousa 1 de abril de 1939
Contra-almirante António Garcia de Sousa Ventura 26 de março de 1941
Contra-almirante João António Correia Pereira 23 de janeiro de 1946
Contra-almirante Fernando de Oliveira Pinto 31 de dezembro de 1948
Contra-almirante Jaime dos Santos da Cunha Gomes 10 de dezembro de 1949

Chefes do Estado-Maior da Armada (1955-1974)Editar

Posto Nome Tomada de posse
Vice-almirante José Augusto Guerreiro de Brito 22 de novembro de 1955
Vice-almirante Joaquim de Sousa Uva 24 de novembro de 1960
Vice-almirante Armando Júlio de Roboredo e Silva 9 de janeiro de 1963
Vice-almirante Fernando Eduardo Pinto de Ornelas e Vasconcelos 11 de janeiro de 1970
Vice-almirante Eugénio Ferreira de Almeida 14 de junho de 1973

Vice-chefes do Estado-Maior da Armada (a partir de 1974)Editar

Posto Nome Tomada de posse
Contra-almirante Alberto Amaral Marques de Abrantes 8 de maio de 1974
Contra-almirante Armando Eugénio de Castro Rodrigues Filgueiras Soares 14 de julho de 1975
Contra-almirante Leonel Alexandre Gomes Cardoso 1 de janeiro de 1976
Vice-almirante Henrique Afonso da Silva Horta 20 de setembro de 1976
Vice-almirante João Paulo Bustorff Guerra 31 de outubro de 1978
Vice-almirante Gabor Albert Ferdinand Ziegler Patcoczy 8 de abril de 1983
Vice-almirante Henrique António Champel Serpa Q. A. e Lima Matos de Vasconcelos 28 de julho de 1983
Vice-almirante Jorge Rasquilho Raposo 20 de dezembro de 1985
Vice-almirante António Emílio de Almeida Azevedo Barreto Ferraz Sacchetti 17 de março de 1988
Vice-almirante Fernando Manuel Palla Machado da Silva 29 de novembro de 1989
Vice-almirante António José Malheiro Garcia 27 de abril de 1994
Vice-almirante António Maria Quesada Andrade 17 de maio de 1995
Vice-almirante José Augusto de Moraes Sarmento Gouveia 31 de julho de 1996
Vice-almirante Jaime Barata Botelho 15 de abril de 1997
Vice-almirante Alexandre Daniel Cunha Reis Rodrigues 3 de dezembro de 1999
Vice-almirante Luís Manuel Lucas Mota e Silva 14 de novembro de 2000
Vice-almirante Francisco António Torres Vidal Abreu 5 de julho de 2002
Vice-almirante António João Neves de Bettencourt 29 de novembro de 2002
Vice-almirante João Manuel Lopes Pires Neves 22 de outubro de 2004
Vice-almirante Victor Manuel Bento e Lopo Cajarabille 15 de dezembro de 2005
Vice-almirante Rui Cardoso de Telles Palhinha 25 de maio de 2007

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

Referências

  1. «Entidades Nacionais Agraciadas com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Estado-Maior da Armada". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 13 de novembro de 2021 
  Este artigo sobre a Marinha Portuguesa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.