Etaogundá

Etaogundá é um odu do oráculo de ifá, representado no merindilogum com três conchas abertas[1][2] pela natureza e treze fechadas. Nesta caída responde Ogum. O consulente tem que ser acolhido imediatamente, pois precisa urgente de uma limpeza de corpo e um bori, devido ao risco de uma grande depressão.

Etaogundá

Interpretação do OlhadorEditar

Ogum se apresenta com toda força da espada da Lei da justiça, é um odu justiceiro, por ser ele o Senhor das lutas e das batalhas. Quando esse odu se apresenta no jogo, o consulente deverá ser esclarecido a fim de encontrar forças necessárias para enfrentar todas as situações desagradáveis e jamais recuar diante de qualquer obstáculo. Somente não deverá agir com impulso de maldade e sim, espírito de bondade e esperteza, e muita calma, pois é uma indicação de dificuldade com alguns prejuízos e graves consequências. O consulente deverá ficar em alerta, pois haverá fracassos nas realizações de grandes projetos, quando esse fato acontece, é preciso que o consulente tenha muita calma e paciência, pois esse e um caminho imposto por esse odu, e nesse momento, este deverá agir com prudência e acima de tudo com justiça. Não deve depositar confiança demasiada em certos amigos, pois no meio deles haverá um traidor, um falso amigo.

O consulente só terá bons lucros e bons resultados, mediante seus próprios esforços e sacrifícios, pois deverá ter muito cuidado para não haver acidentes em rua, estradas, doenças graves e decepções. Os caminhos desse odu, quando em suas fases negativas, poderão indicar também brigas, pancadarias, prisões, separações, desfecho de caso na justiça, documentos importantes sem andamento, rompimento de uma sociedade, falência e separação amorosa. Deverá ser alertado, quanto a todas essas possíveis situações desastrosas, incluindo também um aviso importante que haverá perigo de papeis comprometedores, nesse caso, este deverá ter muita calma e cautela com essa situação, e de que ele somente vencerá todos os obstáculos, se ele próprio tiver razão, pois esse odu, só age pela razão.

O homem regido por esse odu, é muito viril, sério e organizado; quando a mulher, tem muita fertilidade, mas não é sensual. Tanto um, quanto o outro, são radicais, olho por olho, dente por dente. Esse odu, tem uma certa ligação com obará, portanto quando for dar presente a ogundá, deverá se dar também a obará e a ejilaxeborá, e o presente deverá ser em forma de triângulo.

Tipo de ebó mais comumEditar

Um acuncô, um peixe fresco, um pedaço de carne bovina, otim, epô pupá (Azeite de dendê), mel, um pano preto. Passa-se tudo no corpo do consulente, sacrifica-se o acuncô no ibá de Exu, embrulha-se tudo no pano e despacha-se no lugar determinado pelo jogo. Esta pessoa deve imediatamente tomar um bori.

Referências

BibliografiaEditar

  • Jogo de búzios - Um encontro com o Desconhecido - José Beniste.
  Este artigo sobre candomblé é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.