Etelburga de Wessex

Disambig grey.svg Nota: Para a santa de mesmo nome, veja Etelburga de Kent.

Etelburga (em inglês: Æthelburg ou Æthelburh ou Ethelburga; c. 673 - 740) era esposa do rei Ine de Wessex. Em 722, ela destruiu a fortaleza de Taunton (que havia sido construída por Ine) numa tentativa de encontrar o rebelde Ealberto (Ealdbert).[1]

Etelburga
Rainha de Wessex
Reinado 688726
Antecessor(a) Cinedrida
Sucessor(a) Fridogida
 
Nascimento c. 673
Morte 740 (67 anos)
Cônjuge Ine de Wessex
Casa Casa de Wessex(por casamento)

Vida e obrasEditar

Etelburga nasceu por volta de 673 e casou-se com Ine de Wessex. O casal reinou junto e Etelburga é considerada por alguns historiadores como sendo uma das poucas guerreiras anglo-saxônicas.[2] Em 722, Etelburga queimou a cidade de Taunton, construída por Ine, para evitar que fosse destruída por inimigos.[3] Em 726, o rei Ine abdicou ao trono e, com Etelburga, foi para Roma.[4]

Ela é por vezes confundida com Etelburga de Kent, esposa de Eduíno da Nortúmbria, que fundou o mosteiro de Lyminge, em Kent.[5]

Referências

  1. Ashley, Mike (1998). The Mammoth Book of British Kings and Queens. London: Robinson Publishing. p. 309 
  2. Kevin R. Brine; Elena Ciletti; Henrike Lähnemann (2010). The Sword of Judith: Judith Studies Across the Disciplines. [S.l.]: Open Book Publishers. pp. 172–. ISBN 978-1-906924-15-7 
  3. «Ine» (em inglês). 1911 Encyclopedia. 1911. Arquivado do original em 15 de abril de 2013 
  4. Parks, George B. 1954. The English traveler to Italy. First volume, First volume. Roma: Edizioni di storia e letteratura. 31
  5. Eckenstein, Lina. 1963. Mulher em monasticismo; capítulos sobre Saint-lore e a vida conventual entre 500 e 1500. (New York: Russell & Russell), 84.

BibliografiaEditar

  • Chicago, Judy. The Dinner Party: From Creation to Preservation. London: Merrell (2007). ISBN 1-85894-370-1 (em inglês)