Abrir menu principal

Ferro (Covilhã)

vila e freguesia da Covilhã, Portugal
Disambig grey.svg Nota: Para pelo elemento químico da tabela periódica, veja ferro.
Portugal Portugal Ferro 
  Freguesia  
Bandeira de Ferro
Bandeira
Brasão de armas de Ferro
Brasão de armas
Ferro está localizado em: Portugal Continental
Ferro
Localização de Ferro em Portugal
Coordenadas 40° 14' 05" N 7° 26' 40" O
País Portugal Portugal
Concelho CVL.png Covilhã
Administração
- Tipo Junta de freguesia
- Presidente Augusto Fernando Godinho Macedo (G.C.E.)
Área
- Total 30,76 km²
População (2011[1])
 - Total 1 700
    • Densidade 55,3 hab./km²
Código postal 6200-571
Orago São Sebastião
Website http://www.freguesiadoferro.pt

Ferro é uma freguesia portuguesa do concelho da Covilhã, com 30,76 km² de área e 1 700 habitantes (2011). A sua densidade populacional é de 55,3 hab/km².

Realiza-se aqui em Novembro a Feira da Castanha[2].

Localização no Concelho de Covilhã

PopulaçãoEditar

População da freguesia do Ferro [3]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
1 454 1 473 1 702 1 806 2 017 1 979 1 923 2 243 2 279 2 186 1 498 1 811 1 646 1 834 1 700

DescriçãoEditar

É composta pelos lugares de Freixo, Lameiras, Madeira, Monte Serrano, Penedia, Rasas, Ribeiro do Moinho, Semaria, Sítio do Marujo, Sítio da Póvoa, Sítio do Ribeiro de Linhares, Sítio do Poço Frio e Souto Alto.

O Ferro é limitado a Norte por parte da freguesia de Caria, separada do Ferro pela ribeira do mesmo nome, e também pelo rio Zêzere, que serve de limite natural entre esta freguesia e a da Boidobra. A Sul confina com as terras de Peroviseu, a Este é limitada pelas freguesias de Peraboa e Peroviseu, a Oeste confronta com as freguesias do Tortosendo e Alcaria.

O povoamento desta freguesia ascende à época romana, uma vez que terá sido este povo que deu nome à povoação, através da palavra latina Ferrum. Os romanos, nas terras que conquistavam, aproveitavam os recursos minerais do subsolo, sendo conhecida a riqueza desta região nessa matéria. Foi mais tarde um curato anexo ao priorado de Santiago da Covilhã, tendo de rendimento anual duzentos mil réis.

EconomiaEditar

A cereja tem uma enorme importância na economia local, uma vez que há mais de 60 agregados familiares a viverem desta actividade. É nesta zona que se situa o maior pomar contínuo de cereja a nível nacional, com cerca de 56 hectares (UNITOM). Criou-se um Centro Interpretativo da Cereja, onde se pretende divulgar a cereja do Ferro.[4]

PatrimónioEditar

  • Vestígios arqueológicos romanos
  • Sepulturas romanas
  • Ponte Pedrinha (sobre o rio Zêzere)
  • Miradouro do Monte Serrano

Referências

  1. «População residente, segundo a dimensão dos lugares, população isolada, embarcada, corpo diplomático e sexo, por idade (ano a ano)». Informação no separador "Q601_Centro". Instituto Nacional de Estatística. Consultado em 1 de Março de 2014. Cópia arquivada em 4 de dezembro de 2013 
  2. http://www.rederural.gov.pt/images/FolhasInformativas/Feiras_de_Produtos_Locais_Listagem.pdf
  3. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes
  4. Revista Gazeta Rural n.º 248, 30 de Maio de 2015, pág. 4.

Ligações externasEditar