Fome (romance)

Sult
Fome (PT)
Autor(es) Knut Hamsun
País Noruega
Gênero Romance
Localização espacial Christiania
Edição portuguesa
Tradução Lilete Martins
Editora Cavalo de Ferro
Lançamento 2008
Páginas 254
ISBN 978-989-623-092-0
Edição brasileira
Tradução Adelina Fernandes
Editora Itatiaia
Lançamento 2004

Fome é um romance escrito pelo norueguês Knut Hamsun publicado originalmente em 1890. É considerado um dos romances mais importantes da história literária da Noruega e da Europa[1].

ResumoEditar

A história do livro envia-nos para dentro do monólogo interior de um jovem escritor, que vagueia pela cidade de Kristiania (atual cidade de Oslo). Acompanhamos o protagonista ao longo da sua errância pela cidade, testemunhando a miséria em que vive e todos os seus delírios e alterações de humor resultantes da sua fome e desespero.

Como escreve Paul Auster no prefácio da edição portuguesa, "o seu narrador — herói como o Raskolnikov de Dostoievski — não é tanto um desfavorecido mas um monstro de arrogância intelectual. A piedade não desempenha qualquer papel em Fome. O herói sofre, mas unicamente porque decidiu sofrer."

Edição em Portugal e no BrasilEditar

Em Portugal o romance foi editado em 2008 pela Cavalo de Ferro com tradução de Lilete Martins.[2] Por seu lado, no Brasil a editora Itatiaia publicou Fome em 2004, utilizando uma tradução de Adelina Fernandes[3].

Referências