Abrir menu principal

Gonçalo Álvares foi um navegador português. Participou activamente na fase áurea dos descobrimentos, a partir da segunda viagem de Diogo Cão, tendo inclusive comandado a nau São Gabriel na épica viagem de Vasco da Gama às Índias em 1497. Ostentou até sua morte em 1524 o cargo de "piloto mor da navegação da Índia e mar oceano", logo transmitido a João de Lisboa.[1][2]

Em sua homenagem foi batizada a ilha que descobriu em 1505, mais tarde redenominada Gough Island pelos ingleses, que dela tomaram posse no século XIX.[3]

Ver tambémEditar

Referências

  1. António Gonçalves (2002). «Navegações portuguesas». Instituto Camões. Consultado em 16 de julho de 2019 
  2. Alvaro Velho (1999). Roteiro da primeira viagem de Vasco da Gama à India. [S.l.]: Universidade do Porto. p. 9. Consultado em 16 de julho de 2019 
  3. «Ilha de Gonçalo Álvares». Guia Geográfico Tristão da Cunha. Consultado em 16 de julho de 2019 
  Este artigo sobre História ou um(a) historiador(a) é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.