Abrir menu principal

Modelagem tridimensional

(Redirecionado de Gráficos 3D)
Crânio 3D reconstruído por Cícero Moraes
Renderização de uma cena tridimensional gerada no POV-Ray

Em Ciência da computação, modelagem tridimensional (pt-BR) ou modelação tridimensional (pt) (ou 3D) é o processo de desenvolvimento de uma representação matemática de qualquer superfície tridimensional de um objeto (seja inanimado ou vivo), através de software especializado. O produto é chamado de modelo tridimensional.

É basicamente a criação de formas, objetos, personagens, cenários. Para elaboração são utilizadas ferramentas computacionais avançadas e direcionadas para este tipo de tarefa. Existem diversos profissionais habilitados na área. Atualmente os programas mais utilizados são: Blender, Autodesk Maya, 3ds Max, Cinema 4D, ZBrush, SketchUp, entre outros.

A modelagem em três dimensões conta com uma enorme variedade de ferramentas genéricas, permitindo uma comunicação mais fácil entre dois programas diferentes e usuários iguais, são as mais conhecidas: técnica por polígonos, técnica por vértices e técnica por bordas. Todas elas são realizadas através da criação de uma malha complexa de segmentos que dão forma ao objeto. Há muito tempo começaram a surgir cinemas em 3D, que usando um óculos especial, permitia que o público visse filmes inteiros com imagens que praticamente saiam da tela do cinema. Hoje em dia o espetáculo é mais moderno, e mais seguro. Pois antigamente, os filmes em 3D podiam provocar dor de cabeça e outros sintomas, que fizeram o 3D parar por alguns anos. Hoje, a onda 3D em filmes, voltou com tudo com desenhos e outros filmes, que há muito tempo não voltava para as telas do cinema. A arte 3D é feita assim: é produzida a figura e, logo depois, é criada uma cópia avermelhada que, colocando um óculos especial, é possível ver a figura em 3D. O tridimensionalismo é usado também para criar livros, como no caso do Guiness Book 2009, o livro dos recordes, que vinha acompanhado de um óculos especial, para ver algumas figuras do livro com o efeito tridimensional, que aparece no cinema. Nos livros, pode não ser tão perfeito como nos cinemas, mas também é bastante real.

ContinuidadesEditar

Para o design de produtos, além da modelagem por meios de faces poligonais, existem os programas que são baseados na tecnologia NURBS como o Rhinoceros e o Alias, os quais permitem a prototipagem dos modelos. As superfícies virtuais têm sido analisadas e divididas nas seguintes categorias:

  • G0, que representa a interseção entre dois planos (posição),
  • G1, que é obtida por tangência,
  • G2, são superfícies orgânicas que podem ser relacionadas com as Superfícies de Bézier,
  • G3 e G4 são obtidas por meio de modelagem matemática.

A continuidade G4 caracteriza a chamada superfície Classe A.[1] Existem softwares especializados na análise e modelagem de superfícies Classe A como o Icem Surf.[2]

ProcessoEditar

 
Processo de modelagem tridimensional, várias etapas são necessárias para geração da cena

Para a geração de modelagem tridimensional são necessários recursos de software e hardware adequados. O processo é usualmente dividido em três fases. Sendo que cada uma destas fases possui etapas mais específicas.

Listagem de softwaresEditar

 
Reconstrução facial forense de uma múmia feita no Blender 3D

Existem inúmeros softwares de qualidade para o desenvolvimento de modelagem 3D. A listagem abaixo contempla software proprietário e software livre.

Softwares proprietáriosEditar

Softwares livresEditar

Referências

  1. Mandarino, Denis, Curso de Modelagem Digital em Rhinoceros e Renderização em 3D MAX, vol. 2, Ed. Plêiade, São Paulo: 2009.
  2. Marciniak, Oliver - Vergleich der Freiformflächenkonstruktion mit ICEM Surf und ISD: Grundlagen, Konzepte, Methoden, Ed. VDM Verlag Dr. Müller, Munique, 2011 (ISBN 978-3639322620).
  3. Prototipagem Rápida, Ed. Blücher, 2007 (vários autores)

Ver tambémEditar