Greyhound Lines

Greyhound Lines, Inc. é uma empresa de transporte rodoviário de passageiros norte-americana. Os ônibus da Greyhound ficaram famosos mundialmente através de vários filmes de Hollywood, onde seus carros apareceram mostrando o famoso logo do cão Galgo Inglês.

Greyhound Lines
Ônibus da Greyhound Canada em Toronto, 2006
Razão social Greyhound Lines, Inc.
Atividade transportes
Gênero privada
Fundação 1914 (107 anos)
Fundador(es) Carl Eric Wickman
Sede One Dallas Center, Dallas, EUA
Área(s) servida(s)  Estados Unidos
 México
 Canadá
Proprietário(s) FlixMobilit
Produtos Transporte rodoviário de passageiros
Website oficial www.greyhound.com

Atende 2.400 destinos na América do Norte (Estados Unidos, Canadá e México), com quase 16 milhões de passageiros anualmente (dados de 2019).[1] Com declínio de faturamento, pois em 2016 eram 25 milhões[2] de passageiros, a empresa foi adquirida, em 2021, pela FlixMobilit.

HistóriaEditar

A empresa foi fundada em 1914, em Hibbing, Minnesota pelo imigrante sueco Carl Eric Wickman (1887-1954, ex-operador de sonda para mineração), depois que sua empresa de franquia de automóveis faliu (subsidiária da Hupmobile). Com o fracasso da empresa, Wickman uniu-se a Andy Anderson e começou a oferecer transporte intermunicipal, com o seu carro, entre a cidade de Hibbing e o distrito de Alice (região com mineradoras). Rapidamente, Wickman trocou o veículo, agora um carro de turismo com 8 lugares e 20 anos de uso, e cobrava 15 centavos de dólares a passagem. Em 1915, entrou na sociedade Ralph Bogan, que já possuía uma empresa semelhante, e criaram a linha Hibbing - Duluth. Ao final do ano, o lucro era de US$ 8.000,00 . Passados quatro anos, em 1918, a companhia já tinha 18 ônibus e lucrava US$ 40 mil anuais.[2]

O símbolo do cão começou em 1921, quando a empresa comprou alguns ônibus da Fageol Motors, que eram de aparência elegante e pintura cinza, recebendo o apelido de cão galgo para estes veículos. O logotipo com o cão só foi adotado a partir de 1929.[2]

Com a Grande Depressão e a crise econômica da década de 1930, a General Motors assumiu US$ 1 milhão de dívidas da Greyhound, mostrando que a Greyhound já era uma grande empresa dos EUA. Em 1941, começo a operar no Canadá.[2]

Em 1990, em dificuldades financeiras, seus empregados entraram em greve que durou três anos. Em 1991, a empresa entrou num programa de recuperação judicial com apoio governamental.[2]

Em 2007, a empresa foi vendida para a FirstGroup (grupo multinacional de transporte britânico, com sede em Aberdeen, Escócia) e estabeleceu sua nova sede na cidade de Dallas, Texas.[1]

Em outubro de 2021, a Greyhound foi comprada pela FlixMobilit (startup alemã de serviços de ônibus intermunicipal com sede na cidade de Munique, na Alemanha).[1]

Referências

  1. a b c Revista do Ônibus (ed.). «FLIXMOBILITY ADQUIRE A EMPRESA DE ÔNIBUS AMERICANA GREYHOUND LINES EM UM NEGÓCIO DE US$ 78 MILHÕES». Consultado em 20 de setembro de 2021 
  2. a b c d e Diário do Transporte (ed.). «HISTÓRIA: Greyhound, a empresa de ônibus mais conhecida do mundo nasceu após um erro de negócios». Consultado em 20 de setembro de 2021 

Ligações externasEditar