Guia Politicamente Incorreto dos Anos 80 Pelo Rock

"Guia Politicamente Incorreto dos Anos 80 pelo Rock" é um livro do músico Lobão integrante a coleção Guia Politicamente Incorreto do jornalista Leandro Narloch lançado em 2017 pela editora Leya.[1][2][3][4][5][6]

Guia Politicamente Incorreto dos Anos 80 Pelo Rock
Autor(es) Lobão (músico)
Idioma Língua portuguesa
Assunto Música
Gênero Não ficção
Série Guia Politicamente Incorreto
Editora LeYa
Editor Ana Kronemberg
Lançamento 2017
Páginas 496
ISBN 978-85-441-0563-4
Cronologia
Guia Politicamente Incorreto dos Presidentes da República (2016)
Guia Politicamente Incorreto da Política Brasileira (2018)

EnredoEditar

O músico faz uma análise dos anos 80 tentando se afastar da imagem "trash" que faz parte do imaginário popular da década: Xuxa, ombreiras e hiperinflação.[1] O autor analisa a importância da Gang 90 e Marina Lima para o rock nacional, e a formação de bandas como o Ultraje a Rigor, Legião Urbana, Barão Vermelho, Titãs, Paralamas do Sucesso, RPM, Blitz, Ritchie, Psykóze, Ratos de Porão, dentre outras. Denuncia o "coronelato" que na visão do mesmo é uma patrulha ideológica que perseguia o rock formada pela MPB, capitaneada pelas figuras de Gilberto Gil, Chico Buarque e Caetano Veloso.[7][8]

Além da música, é feita uma análise sobre diversos assuntos relacionados à época: a ascensão neoliberal nos Estados Unidos e no Reino Unido, o papado de João Paulo II, o fim da ditadura militar e a abertura ao regime democrático.[9] Juntamente com o livro foi lançado o disco Antologia Politicamente Incorreta dos anos 80, em que o cantor interpreta músicas dos anos 80 de outros artistas.[10]

Referências

  1. a b «Guia politicamente incorreto dos anos 80 pelo rock». LeYa. 16 de dezembro de 2017. Consultado em 8 de julho de 2019 
  2. «Lobão destila amores, ódios e erros em guia raso sobre rock dos anos 80 | G1 Música Blog do Mauro Ferreira». Mauro Ferreira. Consultado em 8 de julho de 2019 
  3. Internet (amdb.com.br), AMDB. «Rolling Stone · Lobão: "É muita tirania ter que corresponder a milhões de expectativas que os outros criam em cima de sua pessoa e seu trabalho"». Rolling Stone. Consultado em 8 de julho de 2019 
  4. «Lobão em guia politicamente incorreto dos anos 80 pelo rock [2017]». Consultoria do Rock. 4 de abril de 2018. Consultado em 8 de julho de 2019 
  5. «Lobão lança "Guia Politicamente Incorreto dos Anos 80" em Brasília». Metrópoles. 26 de setembro de 2017. Consultado em 8 de julho de 2019 
  6. «Lobão: confira a capa de Guia politicamente incorreto dos anos 80». whiplash.net. Consultado em 8 de julho de 2019 
  7. «Paixão por Marina e ataque a MPB: 10 coisas que só Lobão viu nos anos 80». musica.uol.com.br. Consultado em 8 de julho de 2019 
  8. «Quero dar a voz do rock que nos foi roubada, diz Lobão, que revê anos 80 em álbum». Folha de S.Paulo. 1 de maio de 2018. Consultado em 8 de julho de 2019 
  9. LOBÂO (2017). Guia politicamente incorreto dos anos 80 pelo rock. Rio de Janeiro: LeYA. 496 páginas 
  10. «Com 24 faixas em ordem cronológica, antologia de Lobão passa para 2018 | G1 Música Blog do Mauro Ferreira». Mauro Ferreira. Consultado em 8 de julho de 2019