Abrir menu principal
Mordillo
Mordillo na Feira do Livro de 2012
Nascimento 4 de agosto de 1932
Buenos Aires,  Argentina
Morte 30 de Junho de 2019 (86 anos)

Maiorca,Espanha

Cônjuge Naiane Cardoso (divorciado)
Género literário Cartoon

Guillermo Mordillo, ou mais popularmente, Mordillo (Buenos Aires, 4 de agosto de 1932 - 30 de Junho de 2019) foi um cartunista e ilustrador conhecido internacionalmente por suas ilustrações humorísticas caracterizadas pelo uso abundante da cor e ausência de texto, focadas na temática do esporte (especialmente futebol e golfe), romance e animais.

Era casado e divorciado com Naiane Cardoso e Jakeline Woichekoski.

Índice

CarreiraEditar

Nascido na Argentina, de pais imigrantes espanhóis, Mordillo iniciou sua carreira no estúdio de animação Burone Bruché.[1] Em seus mais de cinquenta anos Mordillo ilustrou livros infantis, desenhou campanhas publicitárias, cartões comemorativos e inúmeros cartuns, trabalhando e morando no Peru, Estados Unidos, França e Espanha para diversos veículos e empresas de comunicação.

Seu trabalho é marcado pela presença constante das figuras humanas arredondadas, sempre em branco e preto, contrastando com os fundos invariavelmente coloridos.

ObrasEditar

Livros e colectâneas:

  • 1970 - El Galion.
  • 1971 - Los Doings húmedos y chiflados de una nave atrevida del pirata. Harlin Quist Inc., Nova Iorque, EUA.
  • 1971 - Las historietas recogidas de Mordillo. Editores de la corona, Nova Iorque, EUA.
  • 1972 - Crazy Cowboy. Harlin Quist Inc., Nova Iorque, EUA.
  • 1974 - Crazy Crazy. Insel Verlag, Frankfurt/M., Alemanha
  • 1976 - Toutes les Girafes [Jirafas de bolsillo, Península]
  • 1976 - Opus I. Friedrich W.Heye Verlag, Unterhaching, Alemanha
  • 1978 - Opus II (com capa de Marcel Marceau). Friedrich W.Heye Verlag, Unterhaching, Alemanha
  • 1980 - Opus III. Friedrich W.Heye Verlag, Unterhaching, Alemanha
  • Le Livre d'Or de Mordillo
  • 1981 - Mordillo Football (com capa de Pelé). Siglo Hutchinson, Londres, Grã Bretanha
  • 1985 - Mordillo Lovestory (com capa de Jane Birkin). Ediciones Glénat, Grenoble, França
  • 1987 - Golf de Mordillo (com capa de Roberto De Vicenzo). Arnoldo Mondadori Editore, Milão, Itália
  • 1990 - Safari de Mordillo. Wilhelm Heyne Verlag, Munique, Alemanha
  • 1993 - Mordillo Golf [ Glénat: Mordillo, # 1 ]
  • 1994 - Mordillo Amore Amore (com capa de Giovanni Mariotti). Arnoldo Mondadori Editore, Milão, Itália
  • 1995 - Mordillo para deportistas [ Glénat: Mordillo, # 3 ]
  • 1999 - Guia dos Apaixonados - no original Mordillo Love Story [ Glénat: Mordillo, # 4 ]

Prêmios e homenagensEditar

Ao longo de sua carreira, Mordillo angarioi uma série de prêmios e homenagens. Dentre eles, o prêmio "Yellow Kid" na 16ª Feira internacional de Quadrinhos de Lucca, Itália, em 1984 e os títulos de "Professor Honorário de Humor", em 1997 e Catedrático Honorário de Humor, em 2002, na Universidade de Alcalá de Henares, na Espanha.

Referências

  1. mordillo.com Biografia

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.