Hôtel de Ville - Louis Pradel

Hôtel de Ville - Louis Pradel é uma das estações terminais da Linha C[1] do metro de Lyon e de conexão com a Linha A.[2] Foi inaugurada em 2 de maio de 1978.

Hôtel de Ville – Louis Pradel
Estação Hôtel-de-Ville
Proprietário SYTRAL
Concessionária Keolis Lyon
Linha 2
Lyon tcl metro-a.svg Linha A do Metro de Lyon
Lyon tcl metro-c.svg Linha C do Metro de Lyon
Ramal 1
Código 24
Posição Subterrânea 2 níveis
Níveis 2
Vias 3
Serviços Elevador
Conexões Terminal rodoviário Lyon tcl logo-cbus-full.svg Ônibus de Lyon linhas C3, C5, C13, C14 e C18
Informações históricas
Inauguração 2 de maio de 1978 (44 anos)
Projeto arquitetônico Joseph Ciesla
Alain Dettinger
Localização
Estação Hôtel-de-Ville está localizado em: Lyon e cercanias
Estação Hôtel-de-Ville
Local da estação em Lyon
45° 46' 4" N 4° 50' 10" E
Endereço Praça Louis-Pradel
País  França
Próxima estação
Terminal - Perrache
Lyon tcl metro-a.svg
Terminal - Vaulx-en-Velin La Soie
Hôtel de Ville – Louis Pradel
Terminal
Lyon tcl metro-c.svg
Terminal - Cuire
-
Hôtel de Ville – Louis Pradel
Metro Lyon MA-plan.svg
Metro Lyon MC-plan.svg

HistóriaEditar

Hôtel de Ville foi inaugurada em 2 de maio de 1978. A inauguração da estação coincidiu com a inauguração da Linha A e a extensão da Linha C, que já estava em operação desde 1974.[3]

LocalizaçãoEditar

Está localizado entre as praças Louis-Pradel e Comédie no distrito de Terreaux no 1º arrondissement de Lyon, prefeitura da região de Auvergne-Rhône-Alpes.[4]

CaracteríticasEditar

O nível superior da estação abriga plataformas laterais para a Linha A. O nível inferior é utilizado como ponto terminal da Linha C. A plataforma central da Linha C contém uma série de pilares imediatamente adjacentes aos trilhos que podem bloquear as portas de saída dos trens.[3]

Obras de arteEditar

A estação tem duas obras de arte colocadas nas escadas entre as plataformas da linha C e as da linha A em direção a Perrache para a primeira e em direção a Vaulx-en-Velin-La Soie para a segunda:

A primeira se chama “La danse” realizada por Joseph Ciesla, em homenagem ao coreógrafo Oskar Schlemmer. Está colocado em um nicho logo acima da passagem, dificultando sua observação.A segunda é conhecida como “The Robots” de Alain Dettinger, e representa personagens pintados em tons de azul, supostamente representando uma multidão em espera.[5]

Referências

BibliografiaEditar

  • Stéphane Autran, Imaginer un métro pour Lyon : Des études préliminaires à l’inauguration de la première ligne 1960-1978 (Synthèse effectuée dans le cadre d'un travail sur les 40 ans du Grand Lyon), Lyon, Millénaire 3, le centre ressources prospectives du Grand Lyon, 30 mars 2008 (em francês).
 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Hôtel de Ville - Louis Pradel
  Este artigo sobre metropolitanos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.