Heinrich Gustav Magnus

Heinrich Gustav Magnus
Efeito Magnus, cloreto platinoso
Nascimento 2 de maio de 1802
Berlim
Morte 4 de abril de 1870 (67 anos)
Berlim
Sepultamento Dorotheenstädtischer Friedhof
Nacionalidade alemão
Cidadania Prússia
Etnia Judeu
Irmão(s) Eduard Magnus
Alma mater Universidade de Berlim, Universidade de Estocolmo, Sorbonne
Ocupação físico, químico, professor universitário
Prêmios Membro Estrangeiro da Royal Society
Empregador Universidade de Frederico-Guilherme, Universidade Humboldt de Berlim
Orientador(es) Eilhard Mitscherlich
Orientado(s) Hermann Knoblauch, August Kundt, Georg Hermann Quincke, Emil Warburg, Gustav Heinrich Wiedemann
Instituições Universidade de Berlim
Campo(s) física, química

Heinrich Gustav Magnus (Berlim, 2 de maio de 1802 — Berlim, 4 de abril de 1870) foi um físico alemão.

Placa comemorativa na Magnus-Haus

Em suas pesquisas constatou a ocorrência de desvios nas trajetórias balísticas em relação à direção que teoricamente se esperaria, em consequência de um fenômeno que ficou conhecido como efeito Magnus. Tal conclusão foi obtida em 1852, ao constatar que o meio em movimento (água ou ar, por exemplo) atua sobre um cilindro, que gira segundo um eixo perpendicular à direção do movimento. Esse efeito manifesta-se por uma força cuja direção é perpendicular tanto ao eixo de rotação do cilindro quanto à direção da corrente. O efeito Magnus encontrou aplicação na propulsão de navios.

Sepultura no Dorotheenstädtischer Friedhof, Berlim

Magnus também obteve resultados importantes na determinação da velocidade de difusão do hidrogênio. Mediu ainda o grau geotérmico, a dilatação do ar com o calor e descobriu o cloreto platinoso, também chamado sal verde de Magnus. Descobriu ainda o ácido periódico.

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um(a) físico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  Este artigo sobre um(a) químico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.