Helene Costello

Atriz americana
Helene Costello
As irmãs Helene (esquerda) e Dolores Costello na revista Photoplay
Nome completo Helen Costello
Outros nomes Helen Costello
Miss Helene
Nascimento 21 de junho de 1906
Nova Iorque, Nova Iorque, EUA
Nacionalidade Estados Unidos Estadunidense
Morte 26 de janeiro de 1957
San Bernardino, Califórnia, EUA
Ocupação atriz
Atividade 1909-1942
Cônjuge John W. Regan (1927-1929) divórcio
Lowell Sherman (1930-1932) divórcio
Arturo de Barrio (1933-1939) divórcio
George Lee Le Blanc (1940-1948) divórcio
Outros prêmios
Estrela na Calçada da Fama[1]

Helene Costello (21 de junho de 1906) foi uma atriz de teatro e de cinema estadunidense que teve sua carreira mais característica na era do cinema mudo. Filha do ator Maurice Costello e irmã da atriz Dolores Costello, atuou em 100 filmes entre 1909 e 1942.[2]

BiografiaEditar

 
As irmãs Dolores e Helen Costello na infância.

Nascida em Nova Iorque, Costello era a filha mais jovem do ator de teatro e cinema Maurice Costello e sua esposa também atriz Mae Costello (nascida Altschuk).[3] Sua irmã mais velha, Dolores também era atriz e se casou com o ator John Barrymore.[4]

Atuou desde os 3 anos de idade, e a primeira incursão de Helene no cinema foi ao lado de seu pai, na adaptação de 1909 do romance de Victor Hugo, Les Misérables (1909).[5] Continuou atuando no cinema através dos anos 1910 como Atriz infantil, além de trabalhar em vaudeville e teatro.[6] Em 1924, apareceu com sua irmã Dolores no show George White's Scandals. Pouco tempo depois, as duas irmãs assinaram contrato com a Warner Bros.[7] Costello atingiu seu pico de popularidade pública em meados de 1920 e chegou a ganhar salário de $3,000 por semana.[8]

Embora ela tivesse aparecido na tela desde a infância, Costello foi selecionada como uma das WAMPAS Baby Stars de 1927.[9][10] The WAMPAS Baby Stars foi uma campanha promocional, patrocinada pela United States Western Association of Motion Picture Advertisers, uma associação de anunciantes de cinema, que homenageava treze (quatorze em 1932) jovens mulheres a cada ano, as quais eles acreditavam estarem no limiar do estrelato cinematográfico. Elas foram selecionadas a partir de 1922, até 1934, e eram premiadas anualmente e homenageadas em uma festa chamada WAMPAS Frolic.

Em 1928, Costello estrelou o primeiro filme totalmente falado Lights of New York, e no mesmo ano, saiu de seu contrato com a Warner Bros., depois de se recusar a estrelar como protagonista ao lado de Rin-Tin-Tin.[6] O papel final mais substancial de Costello foi ao lado de sua irmã Dolores no musical Technicolor The Show of Shows (1929). Costello e sua irmã atuaram no número musical Meet My Sister.

Após o advento do som, a carreira de Costello declinou devido a sua voz,[6] além de seus problemas particulares, tais como sua doença, seu envolviemnto com drogas, três divórcios, uma batalha judicial com seu terceiro marido e dificuldades financeiras.[8][11] De 1930 a 1934, Costellonão fez nenhum filme. Em setembro de 1935, ela assinou contrato com a Metro-Goldwyn-Mayer e voltou ao cinema, num papel secundário em Riffraff (1936).[12] Seu último papel foi uma pequena participação no filme de 1942 The Black Swan. Mais tarde, em 1942, Costello pediu concordata.[8]

Vida pessoalEditar

Costello foi casada quatro vezes, e todos os seus casamentos terminaram em divórcio. Seu primeiro casamento foi com o jogador de futebol John W. Regan, em 1927, de quem se divorciou em junho de 1928.[13] O segundo casamento foi como ator e diretor Lowell Sherman, em 15 de março de 1930, em Beverly Hills,[4] de quem se separou em novembro de 1931 e divorciou em maio de 1932.[14][15] O terceiro casamento de Costello foi com Dr. Arturo de Barrio, um advogado de uma proeminente família cubana. Eles se casaram em Havana a 6 de janeiro de 1933,[16] mas como seu casamento foi considerado inválido, pois Costello ainda não obtivera o divórcio de seu segundo marido, eles se casaram novamente em Los Angeles, em junho de 1933.[17] Em 1939 se divorciaram.

O quarto casamento de Costello foi com o artista George Lee Le Blanc, em 1940, e o casal teve uma filha, Diedre, em 1942,[18] porém se divorciaram em 6 de agosto de 1947.[19] Logo depois de Costello pedir o divórcio, Le Blanc entrou para a Marinha Mercante dos Estados Unidos, porém deixou Diedre sob os cuidados da irmã de Helene, Dolores, alegando que Helene era inadequada para cuidar de Diedre por causa do seu alcoolismo.[20] Costello tentou recuperar a custódia em setembro de 1947, e durante uma audiência de custódia, o pai de Costellos e Lionel Barrymore (ex-cunhado de Dolores Costellos) testemunharam que Costello não tinha problemas com a bebida.[21] Em abril de 1948, Costello foi forçada a deixar seu apartamento devido a problemas financeiros e Le Blanc recebeu a custódia temporária de Diedre.[22] Costello e Le Blanc se divorciaram em junho de 1948.[23]

MorteEditar

Em 24 de janeiro de 1957, Costello foi admitida no Patton State Hospital para tratamento de dependência de drogas e álcool. Ela morreu dois dias depois, de pneumonia.[11][8] Seu funeral foi em 30 de janeiro, e foi sepultada em um túmulo não-marcado no Calvary Cemetery (Los Angeles).[24][25][26]

Por sua contribuição para a indústria cinematográfica, Helene Costello tem uma estrela na Calçada da Fama, no 1500 Vine Street em Hollywood.[5]

Filmografia parcialEditar

 
Helene Costello em papel infantil no fime Her Crowning Glory, em 1911.
Ano Título Personagem Notas
1909 Les Misérables Criança Parte 1
1909 A Midsummer Night's Dream Fada
1910 The Fruits of Vengeance Criança de Pauline
1911 A Quaker Mother Filha de Harmon
1911 Her Crowning Glory Helen, a criança
1912 The Meeting of the Ways Uma das crianças de Tom
1912 In the Garden Fair Filha de Mrs. Rose, Helen
1912 Cleopatra Nicola – uma criança
1913 Beau Brummel Criança Não-creditada
1913 The Price of Thoughtlessness Mabel
1914 Bunny's Mistake Pequena Helene
1914 The Barrel Organ The Child
1915 The Evil Men Do Beatrice – uma garotinha
1915 Lifting the Ban of Coventry Helen Stuyvesant
1916 Billie's Mother
1925 Ranger of the Big Pines Virginia Weatherford
1925 The Man on the Box Irmã de Bob
1925 Bobbed Hair
1926 The Love Toy Princesa Patricia
1926 Wet Paint Ela
1926 Don Juan Rena – Arrumadeira de Adriana Não creditada
1926 The Honeymoon Express Margaret Lambert
1926 Millionaires Ida
1926 While London Sleeps Dale Burke
1927 Finger Prints Jacqueline Norton
1927 The Fortune Hunter Josie Lockwood
1927 The Broncho Twister Paulita Brady
1927 The Heart of Maryland Nancy
1927 Good Time Charley Rosita Keene - Daughter
1927 In Old Kentucky Nancy Holden
1927 Husbands for Rent Molly Devoe
1928 Burning Up Broadway Floss
1928 Comrades Helen Dixon
1928 Phantom of the Turf Joan
1928 Lights of New York Kitty Lewis
1928 The Midnight Taxi Nan Parker
1928 The Circus Kid Trixie
1928 Broken Barriers Beryl Moore
1929 When Dreams Come True Caroline Swayne
1929 The Fatal Warning Dorothy Rogers
1929 Innocents of Paris Pequena participação Não-creditada
1929 The Show of Shows Atuação em "Meet My Sister"
1935 Public Hero No. 1 Papel indeterminado Não-creditada
1936 Riffraff Maizie
1942 The Black Swan Mulher Não-creditada

Ver tambémEditar

Notas e referênciasEditar

  1. Helene Costello no Walk of Fame
  2. Helene Costello no IMDB
  3. «Early Film Star Dies». Reading Eagle. 30 de outubro de 1950. p. 14 
  4. a b «Helene Costello Weds Film Actor». The Pittsburgh Press. 16 de março de 1930. p. 1 
  5. a b «Hollywood Star Walk: Helene Costello». latimes.com 
  6. a b c Lowe, Denise (2005). An Encyclopedic Dictionary of Women in Early American Films, 1895-1930. [S.l.]: Psychology Press. p. 132. ISBN 0-789-01843-8 
  7. McCaffrey, Donald W.; Jacobs, Christopher P. (1999). Guide to the Silent Years of American Cinema. [S.l.]: Greenwood Publishing Group. p. 89. ISBN 0-313-30345-2 
  8. a b c d «Helene Costello, Ex-Actress, Dies». The Milwaukee Journal. 29 de janeiro de 1957. p. 1 
  9. Wampas Baby Stars no Immortal Ephemera
  10. Wampas Baby Star no Silent Hollywood
  11. a b Lowe 2005 p.133
  12. Percy, Eileen (6 de setembro de 1935). «Ginger Rogers' Next Retitled». Pittsburgh Post-Gazette. p. 16 
  13. «Helene Costello Divorces John Regan, Ex-Grid Star». Pittsburgh Post-Gazette. 28 de junho de 1928. p. 2 
  14. «Accuses Actress In Divorce Suit». Herald-Journal. 2 de dezembro de 1931. p. 1 
  15. «Helene Costello Is Granted Divorce After Court Drama». Pittsburgh Post-Gazette. 11 de maio de 1932. p. 1 
  16. «Helene Costello Weds Havana Lawyer In Cuba». St. Petersburg Times. 11 de janeiro de 1933. p. 2 
  17. «Wed Second Time». Sarasota Herald-Tribune. 21 de junho de 1933. p. 8 
  18. «Actress Is Unable To House Child». Spokane Daily Chronicle. 20 de abril de 1948. p. 12 
  19. «Helene Costello Files Divorce Suit». Reading Eagle. 7 de agosto de 1947. p. 28 
  20. «Dolores Costello Award Custody Of Her Niece». San Jose Evening News. 13 de setembro de 1947 
  21. «Old Troupers Testify In Custody Action». Spokane Daily Chronicle. 30 de dezembro de 1947. p. 13 
  22. «Actress Is Unable to House Child». Spokane Daily Chronicle. 20 de abril de 1948. p. 12 
  23. «Ex-Actress Divorced». Toledo Blade. 4 de junho de 1948. p. 28 
  24. «Few Attend Rites For Helene Costello». Reading Eagle. 31 de janeiro de 1957. p. 8 
  25. Ellenberger, Allan R. (2001). Celebrities in Los Angeles Cemeteries: A Directory. [S.l.]: McFarland & Company Incorporated Pub. p. 17. ISBN 0-786-40983-5 
  26. Helene Costello no Find a Grave

Ligações externasEditar

O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Helene Costello