Abrir menu principal

Nota:Para outros significados, consulte Henry Charles

Henry Charles Armon Calvert (Niterói, 8 de novembro de 1950), mais conhecido como Henry Charles ou ainda Doutor Charles, é um médico e político brasileiro. Então deputado estadual, em 2000 lançou-se candidato a prefeito de São Gonçalo pelo PMDB, com slogan que no dizia "chame o doutor", e um jingle que dizia "É 15, é 15, é 15, é Doutor Charles", em referência ao número eleitoral de seu partido. Naquela eleição, derrotou em segundo turno o então prefeito Édson Ezequiel (PDT) [1]

Em 2004, já no PTB, tentou a reeleição,[2][3] mas acabou derrotado por Aparecida Panisset.

Posteriormente, sonfreu processo por improbidade administrativa,[4] tendo sido tornado inelegível pelo TRE-RJ[5]

Referências

  1. «Henry Charles, do PMDB, lidera disputa em São Gonçalo». Folha.com. 29 de outubro de 2000. Consultado em 4 de julho de 2009 
  2. «Henry Charles terá o maior tempo na TV em São Gonçalo». Correiodobrasil.com.br. 16 de agosto de 2004 
  3. «PPS de São Gonçalo confirma apoio à candidatura de Henry Charles». Correiodobrasil.com.br. 8/2004. Consultado em 4 de julho de 2009  Verifique data em: |data= (ajuda)
  4. «Ministério Público processa dois ex-prefeitos de São Gonçalo por improbidade administrativa». Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro. Jusbrasil.com.br. 23 de Dezembro de 2005. Consultado em 4 de julho de 2009 
  5. «TRE do Rio de Janeiro mantém inelegível Henry Charles, ex-prefeito de São Gonçalo». Tribunal Superior Eleitoral Data de Publicação. Direito2.com.br. 28 de novembro de 2006. Consultado em 4 de julho de 2009