Abrir menu principal
Inscrição de Xerxes
em árabe: سنگ‌نبشته خشایارشا در ترکیه
Inscrição de Xerxes, na Turquia
Localização atual
Coordenadas 43° 20' 24" N 38° 30' 8" E
País Turquia
Região da Anatólia Oriental
Dados históricos
Fundação 485-465 aC
Império Aquemênida

A Inscrição de Xerxes (em árabe: سنگ‌نبشته خشایارشا در ترکیه) é escrito em três línguas, antigo persa, acadiano e elamita. Está localizada perto do Lago de Vã na Turquia.[1][2]

A antiga fortaleza a poucos quilômetros a oeste da atual na parte leste da Turquia, originalmente a sede do reino urartiano.

Índice

DescriçãoEditar

Esta inscrição foi materializada por Ciro, o grande, mas por algum motivo ele foi deixado vazio, até que seu filho, Xerxes, a concluiu. A escritura em pedra é escrita da esquerda para a direita, em 27 de linhas e 3 colunas. Ela foi escrita em três línguas, antigo persa, acadiano e elamita. Esta é a única inscrição em acádio fora das fronteiras de hoje do irã.[3]

TextoEditar

   Ahura-mazda é um grande deus, o maior dos deuses
   Quem criou a Terra
   Criou o céu
   Que criou as pessoas
   Criou a alegria para as pessoas
   Quem governou Xerxes
   O único governante de muitos
   Eu sou Xerxes, o grande rei, o rei dos reis
   Rei de muitas pessoas
   O rei está longe nesta Terra
   Dario filho do rei aquemênida
   Diz Xerxes: Dario, o Xá, meu pai, criou belos edifícios a pedido de Ahura-mazda e ordenou que o pergaminho fosse escaneado.
   Mas a escrita não ficou presa nela
   Depois disso, ordenei que esta carta fosse escrita.
   Que Ahura-mazda e outros deuses me guardem, meu mestre e o que eu fizer.

Uma descoberta por um casal iranianoEditar

A escritura é conhecida desde 1286. Em 1907, uma expedição foi feita até esta escritura para que especialistas em línguas antigas a lessem e traduzissem. A primeira vez, em 1908, foi o lingüista Ronald Pegar Kent [4], que conseguiu fazer a leitura e tradução. No entanto, antes de do casal de turistas iraniano encontrar a inscrição, nenhum cientista sabia de seu paradeiro. Não havia nenhuma foto disponível. Uma viagem do casal levou a encontrar a localização exata da pedra de Xerxes perto do Lago de Vã. Eles trouxeram de volta um filme completo e fotografias.[5]

Ver trambémEditar

Referências

  1. «Gandj Nameh, Xerxes' Inscription - Livius». www.livius.org. Consultado em 20 de dezembro de 2018 
  2. Bridges, Emma (20 de novembro de 2014). Imagining Xerxes: Ancient Perspectives on a Persian King (em inglês). [S.l.]: Bloomsbury Publishing. ISBN 9781472511379 
  3. Inscrição de Xerxes, o Grande, perto de Van Fortaleza
  4. Kent, Roland G. (1933-09). «Another Inscription of Xerxes». Language (em inglês). 9 (3). 229 páginas. ISSN 0097-8507. doi:10.2307/409350  Verifique data em: |data= (ajuda)
  5. Longa ocultos da Idade do Ferro do castelo revelado em 3.000 anos ruínas, na Província de Van, na Turquia