Jack Betts

ator americano
Jack Betts
Nascimento 11 de abril de 1929 (90 anos)
Miami
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Actors Studio
Ocupação ator, ator de teatro, ator de televisão, ator de cinema

Jack Richard Nelson Betts {Miami, 11 de abril de 1929) é um ator estadunidense. Em muitas produções onde o ator trabalhou, seu nome foi creditado como Hunt Powers.

Sua carreira iniciou-se na televisão, participando dos seriados The Edge of Night (na temporada de 1952) e Guiding Light (na temporada de 1956). Sua estreia no cinema ocorreu em 1959, no filme The Bloody Brood, atuando como um dos protagonistas.

Nos primeiros anos da década de 1960, a maioria dos seus trabalhos foram em séries televisivas, como Bonanza e Gunsmoke, mas ente a segunda metade desta década e a década seguinte (1970), fez sucesso na Itália, no gênero spaghetti western, em filmes como Sugar Colt, La più grande rapina del west, Inginocchiati straniero... I cadaveri non fanno ombra!, One Damned Day at Dawn… Django Meets Sartana!, Arrivano Django e Sartana... è la fine, Per una bara piena di dollari, Giù la testa... hombre!, ...e lo chiamarono Spirito Santo, Ciao maschio e até o esgotamento completo de produções deste gênero. Na Itália, seu nome artístico era Hunt Powers.[1][2][3][4]

Quando retomou suas atuações no mercado norte-americano, seus principais trabalhos foram, novamente, na televisão, como Kojak, Another World, All My Children ou participações em filmes como Batman Forever e Falling Down.

Com grande experiência no mercado cinematográfico e televisivo, nas década de 2000 e 2010, tem atuado em produções como: Cut, Homem-Aranha, Monk, Mardi Gras: Spring Break, entre outras.

Betts também é um dos autores da peça teatral "Screen Test: Take One".[5]

Referências

  1. Actors of the Spaghetti Westerns Livro de James Prickette no Google Books - junho de 2018
  2. JACK RICHARD NELSON BETTS (FLORIDA 1929) SW- Spaghetti Western database - junho de 2018
  3. Spaghetti Western The Titi Tudorancea Bulletin - junho de 2018
  4. Spaghetti westerns Estadão - caderno Cultura - junho de 2018
  5. Screen Test: Take One Site Variety - junho de 2018

Ligações externasEditar