Abrir menu principal

Jamie Pollock (Stockton-on-Tees, 16 de março de 1974) é um ex-futebolista e treinador de futebol britânico que atuava como volante.

Jamie Pollock
Informações pessoais
Nome completo Jamie Pollock
Data de nasc. 16 de março de 1974 (45 anos)
Local de nasc. Stockton-on-Tees,  Reino Unido
Nacionalidade inglês
Informações profissionais
Equipa atual Inglaterra Billingham Synthonia
Posição Presidente e treinador (Ex-volante)
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1990–1996
1996
1996–1998
1998–2000
2000–2002
2001
Inglaterra Middlesbrough
Espanha Osasuna
Inglaterra Bolton Wanderers
Inglaterra Manchester City
Inglaterra Crystal Palace
Inglaterra Birmingham City (Vindo de Empréstimo)
155 (17)
2 (0)
52 (5)
60 (5)
31 (4)
5 (0)
Seleção nacional
1992–1993
1994–1995
Flag of England.svg Inglaterra Sub-19
Flag of England.svg Inglaterra Sub-21
8 (0)
3 (0)
Times/Equipas que treinou
2003–2005
2005–2007
2018–
Inglaterra Spennymoor United
Inglaterra Spennymoor Town
Inglaterra Billingham Synthonia


CarreiraEditar

Em sua carreira, Pollock se destacou com a camisa do Middlesbrough, clube onde iniciou a carreira em 1990. Em 6 temporadas, foram 17 gols em 155 partidas pelo Boro. Saiu do time em 1996 para atuar no Osasuna, tendo uma curta passagem (duas partidas) antes de retornar à Inglaterra no mesmo ano, assinando com o Bolton Wanderers. Com a camisa dos Trotters, Pollock jogou 52 vezes, marcando 5 gols.

Deixou o Bolton em 1998 para defender o Manchester City, onde permaneceria até 2000. Teve ainda passagens modestas por Crystal Palace e Birmingham City (por empréstimo), até anunciar o encerramento prematuro de sua carreira, 15 dias antes de completar 28 anos.

A sabotagem que lhe rendeu o título de "personalidade mais influente dos últimos 2.000 anos"Editar

Em uma partida entre Manchester City e Queens Park Rangers, pela temporada 1997-98 da segunda divisão, Pollock tentou tirar a bola da área, mas inexplicavelmente cabeceia para o gol, encobrindo o goleiro galês Martyn Margetson. O jogo terminaria em 2 a 2, e o QPR livrou-se do rebaixamento, ao contrário do City, que se tornaria o primeiro campeão de uma competição europeia a cair para a Terceira Divisão inglesa.[1]

Dois anos depois, torcedores do Queens Park Rangers sabotaram uma enquete feita por um site francês, que escolheria o ser humano mais influente dos últimos 2 mil anos. Pollock "ganhou" a pesquisa, deixando Jesus Cristo em segundo lugar.[2] O meia declarou que fora uma "crueldade da torcida do QPR", mas acharia engraçado ao saber do resultado da enquete.

Carreira de treinadorEditar

Em 2003, Pollock estreou como treinador no Spennymoor United, onde permaneceu por 2 temporadas. Entre 2005 e 2007, comandou o Spennymoor Town,[3] equipe que disputa a National League North, equivalente à sexta divisão do futebol inglês.

Após 11 anos longe dos gramados, o ex-volante voltou à ativa como presidente e técnico do Billingham Synthonia, clube da segunda divisão da Northern Football League (nona e décimo níveis do futebol inglês).[4][5]

Referências

  1. Alexandre Perin (21 de outubro de 2009). «Gols contra que levam um time à Terceira Divisão» 
  2. Hackett, Robin (21 de julho de 2011). «Own goals». ESPN FC. Consultado em 21 de agosto de 2015 
  3. «'Moors' manager resigns». Spennynews. 9 de junho de 2007. Consultado em 21 de agosto de 2015 
  4. [1]
  5. [2]
   Este artigo sobre futebolistas ingleses é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.