Abrir menu principal
Jaqueline
Duquesa que Montpensier
Delfina de Auvérnia
Desenho por François Clouet, c. 1550.
Condessa de Bar-sur-Seine
Reinado 1531/3828 de agosto de 1561
Antecessor(a) Joana de Angoulême
 
Cônjuge Luís III de Montpensier
Descendência Francisco, Duque de Montpensier
Joana
Francisca
Ana
Carlota, Princesa de Orange
Luísa
Casa de Longwy
Bourbon (por casamento)
Nascimento 1520
Morte 28 de agosto de 1561 (41 anos)
  Paris, França
Pai João IV de Longwy
Mãe Joana de Angoulême
Religião Protestantismo

Jaqueline de Longwy (1520Paris, 28 de agosto de 1561)[1][2][3][4] foi suo jure condessa de Bar-sur-Seine, duquesa consorte de Montpensier e delfina de Auvérnia pelo seu casamento com Luís III de Montpensier.

FamíliaEditar

Jaqueline foi a filha de João IV de Longwy, Senhor de Givry, Barão de Pagny e Mirebeau, e de Joana de Angoulême, suo jure condessa de Bar-sur-Seine. Os seus avós paternos eram Filipe de Longwy, Senhor de Givry, Pagny e Long Pierre e Joana de Bauffremont, Senhora de Mirabeau, La Borde, Ruilly e Savigny. Os seus avós maternos eram Carlos de Orleães-Angoulême e sua amante, Antonieta de Polignac, Senhora de Combronde, dama de companhia da esposa de Carlos, Luísa de Saboia, Duquesa de Némours.

Ela teve duas irmãs: Francisca, senhora de Pagny e Mirebeau, esposa do almirante Philippe de Chabot, e depois casada com Jacques de Perusse, Senhor d'Escars, e Cláudia, abadessa de Jouarre.

Sua mãe, Joana, era meia-irmã paterna ilegítima do rei Francisco I de França. O tio paterno de Jaqueline era Claude de Longwy de Givry, bispo de Mâcon.

BiografiaEditar

No dia 1 de agosto de 1538, com aproximadamente dezoito anos, Jaqueline casou-se com o futuro duque de Montpensier, Luís de Bourbon, de vinte e cinco anos. Ele era filho do príncipe Luís de La Roche-sur-Yon e de Luísa de Bourbon, Duquesa de Montpensier.

Em 1543, seu marido tornou-se delfim de Auvérnia. A delfina esteve presente no batismo de Francisco II de França, neste mesmo ano.

 
Imagem da condessa de Pastoret representando Jaqueline, em 1829, retirado do álbum do baile de Mary Stuart por Eugène Lami.

Em 1559, Jaqueline e Luís compareceram a coroação do rei Francisco II e da rainha Maria da Escócia. [5]

Jaqueline frequentava a corte francesa desde 1533, quando em 1560, a condessa foi essencial nas negociações com António de Bourbon, Duque de Vendôme, que o convenceram a desistir de reivindicar a regência a favor da rainha Catarina de Médici.[6] No mesmo ano passou a ocupar a posição de primeira dama de honra da rainha regente, até sua morte, em 1561.

Protestante,[7] ela frequentemente intercedia com a rainha a favor dos huguenotes. [5]

O casal teve seis filhos, cinco meninas e um menino.

A duquesa faleceu em 28 de agosto de 1561, com cerca de 41 anos de idade.

DescendênciaEditar

  • Francisco de Bourbon, Duque de Montpensier (1542 – 4 de junho de 1592), sucessor do pai. Foi marido de Renata de Anjou, com quem teve um filho;
  • Joana de Bourbon (1542 – 24 de março de 1624), foi abadessa em Sainte Croix de Poitiers e em Jouarre;
  • Francisca de Bourbon (m. 1587), esposa de Henrique Roberto de La Marck, duque de Bulhão e príncipe de Sedan, com quem teve quatro filhos;
  • Ana de Bourbon (m. 1572), esposa de Francisco II de Cleves, duque de Nevers. Sem descendência;
  • Carlota de Bourbon ( 1546/1547 – 5 de maio de 1582), foi esposa de Guilherme I, Príncipe de Orange, com quem teve seis filhas;
  • Luísa de Bourbon (m. 1586), foi uma religiosa em Fontevrault, e abadessa de Jouars e Farmoutiers.

Referências

  1. «Geneanet». gw.geneanet.org 
  2. «Genealogie Online». genealogieonline.nl 
  3. «Wiki Tree». wikitree.com 
  4. «Fab Pedigree». fabpedigree.com 
  5. a b Mann, Ingrun (2016). Anna of Saxony: The Scarlet Lady of Orange. [S.l.]: Winged Hussar Publishing. Consultado em 13 de Março de 2018 
  6. Akkerman, Houben, Nadine, Birgit (2014). The Politics of Female Households: Ladies-in-waiting across Early Modern Europe. Leida, Boston: Brill Plubishers. p. 193. Consultado em 13 de Março de 2018 
  7. Ogier Ghislain de Busbecq (2012). The Life and Letters of Ogier Ghiselin de Busbecq Seigneur of Bousbecque, Knight, Imperial Ambassador. [S.l.]: Cambridge University Press. p. 10. Consultado em 13 de Março de 2018