Joaquim Rafael

Joaquim Rafael (Porto, 17831864) foi um pintor, cenógrafo e escultor, discípulo de Vieira Portuense e professor de desenho da Academia de Belas-Artes de Lisboa e primeiro-pintor da Câmara e Corte. Pintou diversos painéis, entre os quais os painéis das igrejas de Santa Clara, dos Clérigos e da Lapa, todas no Porto, e esculpiu, entre outros, os bustos de D. João VI e de Carlota Joaquina existentes no Palácio da Ajuda[1]. Também se dedicou à arte funerária[2].

Auto-retrato, por Joaquim Rafael. Colecção da Academia Nacional de Belas Artes.
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.

Notas

  1. Palácio da Ajuda.
  2. José Francisco Ferreira Queiroz. Os Cemitérios do Porto e a arte funerária oitocentista em Portugal - Consolidação da vivência romântica na perpetuação da memória. Tese de Doutoramento em História da Arte. Universidade do Porto, 2002, pp. 169, 205, 213, 214, 351, 615.

ReferênciasEditar

  • Henrique de Campos Ferreira Lima, Joaquim Rafael, Pintor e Escultor Portuense, Breves notas biográficas e compilação dos seus escritos (colecção: Subsídios para a história da arte portuguesa, n.º 7). Coimbra, Imprensa da Universidade, 1923.