John Moore

John Moore
Nascimento 13 de novembro de 1761
Glasgow
Morte 16 de janeiro de 1809 (47 anos)
Corunha
Sepultamento Galiza
Cidadania Reino da Grã-Bretanha
Ocupação oficial, político
Prêmios Ordem do Banho
Causa da morte morto em combate

John Moore (Glasgow, 13 de novembro de 1761Corunha, 16 de janeiro de 1809) foi um general britânico que morreu na Batalha da Corunha, na Galiza, Espanha, ferido por uma bala de canhão, quando do avanço das tropas napoleônicas sobre a península Ibérica.

O tenente general inglês John Hope, em carta ao colega D. Baird, assim se refere às qualidades de Moore, logo após a sua morte: "Conhecendo vós tão bem as excelentes qualidades do Tn. Gen. Cav. John Moore, não preciso eu estender-me sobre a perda, que o exército, e o seu país sofreram com a sua morte. Esta me privou de um precioso amigo, a quem a longa experiência do seu merecimento me havia sinceramente afeiçoado: mas é principalmente quanto ao bem público, que devo lamentar o golpe. Será ele objeto da conversação de todos, que amaram ou respeitaram o seu varonil caráter, que depois de ter conduzido o exército em uma árdua retirada, com firmeza consumada, terminou uma carreira de distinta honra, em uma morte, que deu ao inimigo novas razões de respeitar o nome do soldado britânico".

Era filho do físico escocês John Moore (1729-1802).

PublicaçõesEditar

  • J. C. Moore, "Life of Sir John Moore" (Londres, 1834)
  • William Francis Patrick Napier, "History of the Peninsular War" (cinco volumes, Nova Iorque, 1856)
  • C. B. Mayne, "Moore", em Spenser Wilkinson, "From Cromwell to Wellington" (Londres, 1899)
  • "Diary of Sir John Moore", editado por John Frederick Maurice (dois volumes, Londres, 1904)
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.