Abrir menu principal

José Bento Carlos Amaral

José Bento Carlos (do) Amaral (São Carlos, 21 de março de 1931), foi um político brasileiro. Foi prefeito de São Carlos durante quase dois anos.

Foi afastado do cargo pelo governo federal, durante a ditadura militar, por perseguição política, sendo inclusive, vítima de tortura. Foi nomeado o interventor Antônio Teixeira Viana que o substituiu para completar o mandato.[1]

Foi vereador por três legislaturas.

José Bento Carlos Amaral Trabalhou desde os 11 anos de idade no escritório de contabilidade de seu pai. Entre os cargos que exerceu estão os de Chefe de Gabinete do ex-prefeito Antônio Massei, em 1952; Chefe de Divisão de Protocolo e Arquivo da Prefeitura Municipal; Diretor Administrativo e Presidente da PROHAB São Carlos; Diretor Administrativo da empresa Sinalume Sinalizadora de Rodovias Ltda; Corretor de Seguros; Presidente do Grêmio Esportivo Sãocarlense por aproximadamente três anos; vereador por três legislaturas; e Secretário Geral da Grande Comissão dos Festejos do 1° Centenário de São Carlos, em 1957.

Ver tambémEditar

Referências