Josep Colom

pianista espanhol

Josep Colom (José María Colom Rincón) (Barcelona, 11 de janeiro de 1947) é um pianista espanhol nascido em 1947.[1]

Josep Colom
Nascimento José María Colom Rincón
11 de janeiro de 1947
Barcelona
Cidadania Espanha
Ocupação pianistapiano

BiografiaEditar

Josep Colom começou a estudar piano com sua família, na sua cidade natal, com sua tia Rosa Colom, e na década de 1970 viajou para Paris para estudar na Escola Normal de Música de Paris.

Carreira musicalEditar

Participou em numerosos concursos espanhóis e internacionais como o Concurso Internacional de Piano Paloma Ou'Shea, em Santander, no ano de 1978, o Concurso Internacional de Piano de Jaén ou o Concours d'Épinal, onde ganhou os seus primeiros prémios. Em 1979 estreou-se também no teatro no Teatro dos Campos Elísios em Paris.

Tem tocada com todas as orquestras espanholas e em recitais e festivais de música de câmara. Dedica-se também regularmente ao ensino do piano, ensinando na Aula de Música da Universidade de Alcalá de Henares, colabora com o Conservatório Superior de Zaragoza e o Musikeon[2] de Valencia, ou em master class como no caso da Semana Internacional de Piano de Óbidos (SIPO) em 2016.[3]

Começou a gravar em 1982 com a obra completa das Sonatas de Manuel Blasco de Nebra, o que lhe mereceu o Prémio Nacional de Música atribuído pelo Ministério da Cultura de Espanha. Em 1989 gravou as Obras Completas de Manuel de Falla e de outros autores como Frederic Mompou, Johannes Brahms, Fauré, Debussy, Ravel e Brahms. Josep Colom tem ainda participado como membro de júris de competições de piano.

ligações externasEditar

Referências

  1. «Cada uno con su música, 30 preguntas a Josep Colom(in Spanish)». Consultado em 5 de fevereiro de 2009 
  2. «Cópia arquivada». Consultado em 25 de julho de 2016. Arquivado do original em 19 de março de 2012 
  3. http://www.pianobidos.org/pt/festival/programa