Jungle Fight 83

Jungle Fight 83
Detalhes
Promoção Jungle Fight
Data 02015-11-28 28 de novembro de 2015
Local General Severiano.
Cidade Brasil São Paulo, Rio de Janeiro
Cronologia
Jungle Fight 82 Jungle Fight 83 Jungle Fight 84

Jungle Fight 83 foi um evento de artes marciais mistas promovido pelo Jungle Fight, que ocorreu em 02015-11-28 28 de novembro de 2015, em Rio de Janeiro, Rio de Janeiro[1].

Repleto de nocautes e finalizações, como o presidente Wallid Ismail gosta, o evento coroou a paraense Polyana Viana como nova campeã peso-palha (até 52kg) do maior evento de MMA da América Latina e manteve o título peso-pena (até 66kg) com o campeão Otto Rodrigues. Destaque para os nocautes de Diogo Pink e Jorginho Filho, que aplicaram dois chutes espetaculares em seus adversários.[2]A luta principal teve de tudo um pouco. Tanto no chão quanto em pé, Otto Rodrigues e Deroci Barbosa mostraram que estão no melhor nível do MMA nacional e deram um show para o público que enfrentou a chuva na capital carioca. Atleta da X-gym e natural de Cabo Frio, interior do Rio de Janeiro, Otto tinha a torcida a seu favor e não decepcionou. Dominou o até então invicto Deroci Barbosa durante os três rounds e surpreendeu ao conseguir aguentar um triângulo muito bem encaixado ao final do terceiro assalto. Por decisão unânime dos juízes, Otto manteve seu cinturão e alcançou sua décima vitória na carreira.[3].

ResultadosEditar

Card Principal
Categoria Método Round Tempo Nota
Penas   Otto Rodrigues derrotou   Deroci Barbosa Decisão (Unânime) 3 5:00 (triplo 29-28) manteve o título peso-pena do Jungle Fight
Palhas Feminino   Polyana Viana derrotou   Amanda Ribas Nocaute Técnico (Socos) 1 2:54 Polyana Viana nova campeã peso-palha
Penas   Diego Barbosa derrotou   Caio Gregório Decisão (Unânime) 3 5:00 (29-28 30-27 29-28)
Meio Médios   Paulo “Pituco” Mello derrotou   Augusto “Coringa” Lopez Nocaute Técnico (Socos) 2 0:42
Peso Galo   Kleber “Becão” Vilar derrotou   José “Miltinho” Farias Nocaute Técnico (Socos) 1 1:47
Médios   Adriano Balby derrotou   Alexandre Hoffmann Decisão (Unânime) 3 5:00 (triplo 29-28)
Meio Médios   Jorge Filho derrotou   Claudio “Dennys a Máquina” Cezario Nocaute (Chute Rodado) 1 2:23
Card Social
Médios   Elioenai Brás derrotou   Wallace Dantas Decisão (Unânime) 3 5:00 (29-28 29-28 30-27)
Penas   Luiz Japeri derrotou   Magnum “Pit” de Oliveira Nocaute Técnico (Socos) 3 1:41
Meio Médios   Anderson “Big Bones” derrotou   Israel Vieira Decisão (Unânime) 3 5:00 (30-27 30-27 30-28)
Leves   Denilson “Trator” derrotou   Reinaldo Mudo Decisão (Unânime) 3 5:00 (29-28 29-28 30-29)
Peso Mosca   Jefferson “Jerry” derrotou   Denes Carvalho Decisão (Unânime) 3 5:00 (29-28 29-28 29-28)
Peso Galo   Elifrank Cariolano derrotou   Vinicius Salvador Nocaute Técnico (Socos) 1 2:40
Penas   Felipe “Caboclo” derrotou   Thiago “Manchinha” Nocaute Técnico (Desistência) 1 2:38
Penas   Diogo "Pink" Silva derrotou   Emmanuel “Neguinho” Nocaute (Chute Alto) 1 1:57
Peso Mosca   Bruno Mesquita derrotou   Felipe “Playboy” Soares Finalização (Guilhotina) 1 1:34
Meio Pesados   Armando Sixel derrotou   Daniel Brito Finalização (Chave de Braço) 1 2:38

ReferênciasEditar

Ligações ExternasEditar