Abrir menu principal

WV23

(Redirecionado de KV23)
WV23
Tumba de Ay
Localização Vale dos Reis, no final do Vale Ocidental, próximo da WV24
Extensão total 60.16 m [1]
Área total 212.22 [1]
Descoberta em 1816 [1]
Escavada por Giovanni Battista Belzoni (1816), Howard Carter (1908), Otto J. Schaden (1972) [1]

A tumba WV23 (acrônimo de "West Valley #23"), no Vale dos Reis, é a tumba do faraó Ay da décima oitava dinastia.

Descoberta por Giovanni Battista Belzoni em 1816, sua estrutura é similar a tumba de Aquenaton, com dois lances de escadas e dois corredores descendentes não decorados que dão para uma antecâmara, que por sua vez, da para a câmara do sarcófago. A decoração da tumba é similar em conteúdo e cor à Tumba de Tutancâmon, com algumas poucas diferenças. Na parede leste há uma representações famosas de pesca e caça de aves, que não é mostrado em nenhuma outra tumba real, sendo normalmente mostrados em tumbas de nobres. A tumba também é conhecida por cenas de caça de hipopótamo.

Acredita-se geralmente,[1] que esta tumba não foi construída tensionando-se o sepultamento de Ay. Alguns candidatos propostos incluem Amenófis IV, Semencaré e Tutancâmon. É também sugerido que Tutancâmon tenha sido sepultado aqui e depois movido para a KV62. Porém, não foram encontrados artefatos que comprovem essas proposições. Mas, não há nenhuma dúvida de que Ay não tenha sido entumbado aqui, pois foram encontrados objetos funerários seus na tumba. Também, a tumba foi profanada na antiguidade, em data e período desconhecidos, com muitas imagens e seu nome sendo destruídos de todas as pinturas e paredes da tumba. Pode ter sido nesta mesma época, ou antes, que o lado sudeste de seu sarcófago foi destruído e a pesada tampa do sarcófago deixado no chão. Os inúmeros fragmentos do sarcófago foram removidos e reconstruídos por Gaston Maspero, estando agora em exposição no Museu do Cairo. Convém mencionar que o cartucho real contendo o nome de Ay no sarcófago e na sua tampa não foram destruídos.

ReferênciasEditar

  1. a b c d e «Theban Mapping Project (em inglês)». Consultado em 3 de setembro de 2008. Arquivado do original em 29 de janeiro de 2017 
  • Reeves, N & Wilkinson, R.H. The Complete Valley of the Kings, 1996, Thames and Hudson, London.
  • Siliotti, A. Guide to the Valley of the Kings and to the Theban Necropolises and Temples, 1996, A.A. Gaddis, Cairo.

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre Egiptologia é um esboço relacionado ao Antigo Egito. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.