Língua korku

Korku
Falado(a) em: Índia
Região: Índia Central , (Madhya Pradesh, Maharashtra)
Total de falantes: 727,133, (73% da etnia Korku) 2011 census [1]
Família: Austro-asiática
 Munda
  Munda setentrional
   Korku
Escrita: estilo Balbodh da Devanagari[2][3]
Códigos de língua
ISO 639-1: --
ISO 639-2: ---
ISO 639-3: kfq

Korku é uma língua austro-asiática falada pela tribo Korku do centro da Índia, nos estados de Madhya Pradesh e Maharashtra. Está isolado no meio do povo Gondi, cja língua é dravídico seus parentes mais próximos estão no leste da Índia.

Distribuição das línguas munda na Índia, Korku é a mais à esquerda na Índia Central

Os Korkus também estão intimamente associados ao povo Nihali, muitos dos quais tradicionalmente moram em bairros especiais das aldeias Korku.[4] O Korku é falado por cerca de 200 mil pessoas , principalmente em quatro distritos do sul de Madhya Pradesh (Khandwa, Harda, Betul, Hoshangabad e três distritos do norte de Maharashtra Rajura e Korpana de Chandrapur, área de Manikgarh pahad perto de Gadchandur no istrito de Chandrapur) (Distritos de Amravati, Buldhana, Akola. O Korku é falado num número cada vez mais decrescente de aldeias e está sendo gradualmente substituído por Hindi. Por essas razões, Korku é classificado como "vulnerável à extinção" pela UNESCO.[5]

EtimologiaEditar

O nome Korku vem de Koro-k (- ku é o plural animado), pessoa de 'Koro' , membro da comunidade Korku' (Zide 2008).[6]

VariedadesEditar

Zide (2008: 256) lista os seguintes dialetos.

  • Kurku propriamente dito é falado no oeste. A maioria dos dados disponíveis é do subdialeto Melghat. Outros subdialetos incluem os dos distritos de Betul e Hoshangabad. A variedade de Lahi de Hoshangabad é notável por sua perda do número gramatical dual.
  • Muwasi (Mowasi, Mawasi) é falado no leste, em áreas como distrito de Chhindwara do nordeste Maharashtra.

DistribuiçãoEditar

Korku é falado nos seguintes distritos (Zide 2008: 256):

  • Centro-sul Madhya Pradesh
    • East Nimar (distrito de Khandwa)
    • Betul
    • Hoshangabad
    • Chhindwara (falantes de Mawasi)
  • Nordeste [[Maharashtra
    • Amravati (maioria dos falantes em Maharashtra)
    • Buldana
    • Akola

FonologiaEditar

VogaisEditar

Korku tem 6 vogais orais; a, e, i, o, u, ɨ e 2 s nasalizadas; ɪ̃, ʊ̃.[7]

ConsoantesEditar

Korku has 22 consonants.

Bilabial Alveolar Retroflexa Palatal Velar Glotal
plana aspirada plana aspirada plana aspirada
Oclusiva surda p t c k ʔ
sonora b d ɟ g
Fricativa s
Nasal m n ŋ
Aproximante l j
Vibrante ɾ ɽ

GramáticaEditar

Os substantivos podem ter um dos três gêneros: masculino, feminino ou neutro. Os adjetivos são colocados antes dos substantivos que qualificam..

EscritaEditar

A língua Korku usa o estilo Balbodh do Devanagari, que também é usado para escrever a língua marata.[2]

SituaçãoEditar

O uso da língua Korku foi fortemente influenciado por línguas hegemônicas maiores, especialmente o hindi. Essa influência afeta não apenas a linguagem, mas também os costumes e a cultura tradicionais do povo Korku. Alguns grupos foram mais bem-sucedidos na preservação de seu idioma, especificamente o Potharia Korku (da Montanha Vindhyas).[8]

O censo nacional de 2001 registrou 574.481 pessoas que afirmam falar korku.[9]

Amostra de TextoEditar

चिविच् रान्नी डो चिविच् रान्नी । चोजा सगुन घाले-बा डो चिविच् रान्नी । चिविच् न्नी डो चिविच् रान्नी । ब्यावा सगुन घाले घाले-बा डो चिविच् रान्नी ।

Transliteração

ciwit rānnī ḍo ciwit rānnī. cojā sagun ghāle-bā ḍo ciwit rānnī. ciwit rānnī ḍo ciwit rānnī. byāwā sagun ghāle-bā ḍo ciwit rānnī.

Português

Black Bird está dizendo algo. O que ela está fingindo? Ela está fingindo sobre noivas. [10]

NotasEditar

  1. «Statement 1: Abstract of speakers' strength of languages and mother tongues - 2011». www.censusindia.gov.in. Office of the Registrar General & Census Commissioner, India. Consultado em 7 de julho de 2018 
  2. a b Sebeok, Thomas Albert, ed. (1971). Current Trends in Linguistics. [S.l.]: Walter de Gruyter. p. 425. Cópia arquivada em 7 de dezembro 2014 
  3. Sebeok, Thomas Albert, ed. (1971). Current Trends in Linguistics. [S.l.]: Walter de Gruyter. p. 425. Cópia arquivada em 7 de dezembro de 2014 
  4. nll Nihali
  5. «Korku». UNESCO Atlas of the World's Languages in danger (em inglês). UNESCO. Consultado em 18 de março de 2018 
  6. Cust, R. N. "Grammatical Note and Vocabulary of the Language of the Kor-ku, a Kolarian Tribe in Central India." The Journal of the Royal Asiatic Society of Great Britain and Ireland. no. 2 (1884): 164 - 179. JSTOR 25196986
  7. «PHOIBLE Online -». phoible.org. Consultado em 26 de janeiro de 2019 
  8. Fuchs, Stephen. "Thirty Korku Dancing Songs." Asian Folklore Studies. no. 1 (2000): 109-140. JSTOR 1179030
  9. Sengupta, Papia. "Endangered Languages: Some Concerns." Economic And Political Weekly. no. 32 (2009): 17-19. JSTOR 25663414
  10. Korhu Bharatavani

BibliografiaEditar

  • Zide, Norman. 2008. "Korku". In Anderson, Gregory D.S (ed). The Munda languages, 256-298. Routledge Language Family Series 3.New York: Routledge. ISBN 0-415-32890-X.
  • Nagaraja, K. S. (1999). Korku language: grammar, texts, and vocabulary. Tokyo: Institute for the Study of Languages and Cultures of Asia and Africa, Tokyo University of Foreign Studies.
  • Zide, N. H. (1963). Korku noun morphology. [Chicago: South Asian Languages Program, University of Chicago].
  • Zide, N. H. (1960). Korku verb morphology. [S.l: s.n].

Ligações externasEditar