La vita comincia ogni mattina

Comédia humoristica italiana de Terzoli e Vaime

A vida começa cada manhã (título original La vita comincia ogni mattina) é uma peça teatral de 1981,[1] uma comédia humoristica em dois atos dos dramaturgos italianos Terzoli & Vaime.[2]

La vita comincia ogni mattina
Autoria Terzoli & Vaime
Gênero Humor
Assunto Rotina familiar
Outras informações
Dados da estreia 1981
Local da estreia Teatro Nazionale
Itália Itália
Idioma original Italiano

Sinopse editar

O protagonista (Gino Bramieri)[3] é Giulio Cogliati, casado com Lucia (na peça sua esposa é interpretada por Carmen Scarpitta), que segue todos os seus hábitos e sua rotina diária. De repente, sua vida troca radicalmente com a paixão por Isabel uma garota brasileira (Silvia Regina), muito mais jovem do que ele.

Em duas horas, Giulio tem que decidir se preparar a mala e ir ao Brasil com Isabel, ou ficar na sua tranqüilidade diária com Lucia.

A peça foi estreada em 1981, dirigida por Pietro Garinei, com Gino Bramieri,[4] Carmen Scarpitta, Edi Angelillo, Roberto Bonanni, Silvia Regina, Gabriella Belli, Antonella Diana, Paola Guadagni, Ivonne La Bozzetta e Paola Marzi.

Adaptação para televisão editar

Desta peça foi tirado também o filme pela televisão em 1983, que foi dirigido pelo mesmo Pietro Garinei que dirigiu a peça de teatro.

Referências

  1. «Archivio Luce». patrimonio.archivioluce.com. Consultado em 10 de novembro de 2020 
  2. «La vita comincia ogni mattina (1981)». teatronovecento.it. Consultado em 10 de novembro de 2020 
  3. «Gino Bramieri: il re della risata.». indipendente-mens.it. Consultado em 10 de novembro de 2020 
  4. Oliviero Spada. «Gino Bramieri» (em Italian). milanofree.it. Consultado em 10 de novembro de 2020 

Ligações externas editar

  Este artigo sobre teatro (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.