Abrir menu principal
"Let Yourself Go"
Single de Green Day
do álbum ¡Uno!
Lançamento 5 de setembro de 2012
Formato(s) download digital
Gravação Gravado entre 14 de fevereiro e 26 de junho de 2012, no Jingletown Studios, em Oakland, na Califórnia
Gênero(s) Punk rock
Duração 2:57
Gravadora(s) Reprise Records, Warner Bros. Records
Composição Billie Joe Armstrong
Produção Rob Cavallo e Green Day
Cronologia de singles de Green Day
Kill the DJ
(2012)
Stray Hear
(2012)
Lista de faixas de ¡Uno!
Carpe Diem
(3)

"Let Yourself Go" é o terceiro single do álbum ¡Uno! da banda americana de punk rock Green Day.

Antecedentes e liberaçãoEditar

A banda começou a gravar o novo material para o seus futuros álbuns de estúdio em 14 de fevereiro de 2012. No entanto, a música foi tocada em um show secreto, realizado pela banda em 27 de outubro de 2011, onde a banda também apresentou outras canções que estão no álbum ¡Uno! "Oh Love" e "Carpe Diem ". Em 15 de junho, a banda anunciou o lançamento da trilogia de álbuns, ¡Uno! , ¡Dos! , e ¡Tré!, mas a confirmação oficial da música veio com o lançamento da lista de musicas do seu álbum em 26 de junho de 2012. "Oh Love" foi lançado como o primeiro single do álbum em julho 16, de 2012, que foi seguido pelo lançamento de "Kill the DJ" como o segundo single em 14 de agosto de 2012. Eventualmente, a banda lançou o vídeo clipe de "Kill the DJ" em 4 de setembro de 2012. Ele foi seguido pelo lançamento do terceiro single, "Let Yourself Go" em 5 de setembro de 2012. No entanto, a banda havia revelado o vídeo ao vivo oficial da canção um mês antes do lançamento da canção. O vídeo ao vivo da canção foi gravado durante um show da banda, em Austin, Texas.

Tema e composiçãoEditar

"Let Yourself Go" é mais pesado e mais otimista dos dois singles anteriores "Oh Love" e "Kill the DJ". A canção vê retorno o do Green Day às suas raízes dos anos 90 com um tom e estilo que chega perto dos álbuns Dookie e Insomniac. David Fricke da Rolling Stone , em uma revisão do álbum ¡Uno!, comparou o significado da canção com outra canção do álbum, "Stay the Night" e afirmou, "Stay the Night" e "Let Yourself Go" é o tipo de pop inteligente. Erica Futterman também da Rolling Stone elogiou a canção, descrevendo-a como um "empolgamento a la Ramones".

Recepção críticaEditar

A canção recebeu críticas positivas de fãs e críticos, principalmente pelo foco em referências da canção às origens do Green Day. Popdust observou que "se você fosse um fã casual e nós lhe dissesse que era na verdade um corte esquecido do segundo lado do álbum Insomniac, você provavelmente acreditaria em nós". Ruído Imaculada adicionado a familiaridade da música, afirmando que "Eles estão de volta com o som melódico do Green Day de antigamente.

PosiçõesEditar

ReferênciasEditar

  1. Rock, Canadian (18 de outubro de 2012). «Canadian Active Rock & Alt Rock Chart Archive: Active Rock - October 16, 2012». Canadianrockalt.blogspot.com. Consultado em 24 de outubro de 2012 
  2. Rock, Canadian (9 de outubro de 2012). «Canadian Active Rock & Alt Rock Chart Archive: Alternative Rock - October 9, 2012». Canadianrockalt.blogspot.com. Consultado em 24 de outubro de 2012 
  3. Steffen Hung. «Green Day - Let Yourself Go». dutchcharts.nl. Consultado em 22 de setembro de 2012 
  4. «South Korea Gaon International Chart (Week: September 23, 2012 to September 29, 2012)». Gaon Chart 
  5. «Chart Log UK: New Entries Update». Zobbel. Consultado em 15 de setembro de 2012 
  6. «2012-09-22 Top 40 Rock & Metal Singles Archive». Official Charts. Consultado em 22 de setembro de 2012 
  7. «Latest Music News, Band, Artist, Musician & Music Video News». Billboard. Consultado em 26 de setembro de 2012 
  8. "http://www.billboard.com/charts/billboard-200#/artist/green-day/chart-history/54578?f=377&g=Singles