Abrir menu principal

Limpopo (África do Sul)

província da África do Sul
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde abril de 2017). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Localização da província do Limpopo

A província do Limpopo foi formada em 1994 na África do Sul com a região nordeste da anterior província do Transvaal, incluindo os bantustões de Gazankulu, Venda e parte de Lebowa. Faz fronteiras com o Zimbabwe, a norte (através do rio Limpopo, do qual tirou o nome), Moçambique, a leste e com as províncias do Mpumalanga, Gauteng e Noroeste, a sul. A sua capital é a cidade de Polokwane (anteriormente chamada Pietersburg).

Esta província partilha com a de Mpumalanga a parte norte do Parque Nacional Kruger que, em conjunto com o Parque Nacional do Limpopo, em Moçambique, e com o Parque Nacional Gonarezhou, no Zimbabwe, formam a área de conservação transfronteiriça do Grande Limpopo.

Outro importante marco nesta província é a Paisagem Cultural de Mapungubwe, classificado pela UNESCO como património da humanidade[1].

A província do Limpopo tem uma área de 123 900 km² e 5 273 637 habitantes (em 2001).

SubdivisõesEditar

 Ver artigo principal: Lista de municípios de Limpopo

A província está dividida em 5 municípios distritais, subdivididos em 25 municípios locais e duas zonas de gestão distrital.

Referências

  1. C.Michael Hogan, Mark L. Cooke and Helen Murray, The Waterberg Biosphere, Lumina Technologies, 22 May 2006. [1] Arquivado em 24 de março de 2007, no Wayback Machine.
  Este artigo sobre a África do Sul é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.