Lobo de Ferro

O Lobo de Ferro (em lituânico: Geležinis Vilkas) é um personagem mítico de uma lenda medieval da fundação de Vilnius, capital do antigo Grão-Ducado da Lituânia e atual República da lituânia. Encontrado primeiramente nas Crônicas Lituanas, a lenda compartilha certas semelhanças com a Lupa Capitolina e possivelmente refletia o desejo lituano de mostrar suas origens lendárias derivadas do Império Romano (dos Palemônidas).[1] A lenda ficou popular durante a era do Nacionalismo romântico. Hoje, o Lobo de Ferro é um dos símbolos de Vilnius e é usado por times de esporte,[2] pelas Forças Armadas da Lituânia, escoteiros e outros.

O Lobo de Ferro é usado como mascote pelo exércitoda Lituânia (a Brigada de Infantaria motorizada Lobo de Ferro).

A lendaEditar

De acordo com a lenda, o Grão-duque Gediminas (1275 – 1341) estava caçando na floresta sagrada perto do Vale de Šventaragis, onde o Rio Vilnia encontra o Rio Neris. Cansado depois do sucesso da caça de um Bisonte-europeu, o Grão-duque ali ficou para a noite. Ele adormeceu pesadamente e sonhou com um imenso lobo feito de ferro de pé no topo de uma colina e uivando tão forte e alto como centenas de lobos. Ao acordar, Gediminas pediu para o Krivis (um padre pagão) Lizdeika interpretar seu sonho, ao que o padre lhe disse: "O que está destinado para o governante e o Estado da Lituânia é isto: o Lobo de Ferro representa um castelo e uma cidade que será fundada por ti neste lugar. Essa cidade será a capital das terras lituanas e a habitação de seus governantes, a glória de seus atos deve ecoar por todo o mundo" Dessa forma, o Grão-duque, obedecendo o desejo dos deuses, construiu a cidade e chamou-a Vilnus - devido ao Rio Vilnia.[3]

Referências

  1. Sužiedėlis, Saulius (2011). Historical Dictionary of Lithuania. Col: Historical dictionaries of Europe. 80. [S.l.]: Scarecrow Press. p. 136. ISBN 978-0-8108-4914-3 
  2. «Rytas». Consultado em 4 de Janeiro de 2019 
  3. The Legend of the Founding of Vilnius
  Este artigo sobre mitologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.