Lucio Dalla

cantor e compositor italiano

Lucio Dalla (Bolonha, 4 de março de 1943Montreux, 1 de março de 2012) foi um cantor e compositor italiano.

Lucio Dalla
Lucio Dalla, 2008.
Informação geral
Nascimento 4 de março de 1943
Local de nascimento Bolonha, Emília-Romanha
 Itália
Morte 1 de março de 2012 (68 anos)
Local de morte Montreux, Suíça
Gênero(s) Clássico, ópera, pop operático, Jazz
Instrumento(s) Piano, clarinete
Período em atividade 1966-2012
Gravadora(s) RCA, Sony
Afiliação(ões) Luciano Pavarotti, Andrea Bocelli, Joseph Calleja, Ray Charles
Página oficial www.luciodalla.it

Era também tecladista e clarinetista, sendo um dos mais célebres cantautores italianos, considerando que sua carreira ultrapassou 50 anos de atividade artística.

Musicista cuja formação foi ao som de jazz, reconhecido então como autor de suas canções já numa fase madura, toca como clarinetista e saxofonista, e às vezes como tecladista. A sua produção musical atravessou muitas fases, desde a estação beat à experimentação rítmica e musical, até a canção de autor, indo além do limite das letras e canções italianas.

No Brasil teve duas canções incluídas em trilhas sonoras de telenovelas. Caruso fez parte da trilha da novela De Corpo e Alma (telenovela), como tema do personagem Diogo, interpretado por Tarcísio Meira[1] em 1992. Em 1993 foi a vez de Felicità ser incluída na trilha sonora da novela Sonho Meu, como tema da personagem Paula, interpretada por Beatriz Segall.[2] A mesma canção foi usada pela FIAT também em 1993 na ocasião do lançamento do Fiat Tipo no Brasil, já que a música estava em evidência na trilha sonora da novela.[3]

Morreu aos 68 anos vítima de um infarto.[4]

DiscografiaEditar

Referências

  1. Xavier, Nilson. «De Corpo e Alma». Teledramaturgia. Consultado em 26 de dezembro de 2020 
  2. Xavier, Nilson. «Sonho Meu». Teledramaturgia. Consultado em 26 de dezembro de 2020 
  3. «Fiat Tipo - Lançamento | Comercial de 1993 - YouTube». www.youtube.com. Consultado em 30 de dezembro de 2020 
  4. «Morreu o cantor italiano Lucio Dalla». Correio da Manhã. Consultado em 1 de março de 2012 

Ligações externasEditar