Lutz Pfannenstiel

futebolista alemão

Lutz Pfannenstiel (Zwiesel, 12 de maio de 1973) é um ex-futebolista alemão[1].

Lutz Pfannenstiel
Lutz Pfannenstiel
Informações pessoais
Nome completo Lutz Pfannenstiel
Data de nasc. 12 de maio de 1973 (47 anos)
Local de nasc. Zwiesel, Alemanha Ocidental
Nacionalidade alemão
Altura 1,87 m
Destro
Informações profissionais
Equipa atual Fortuna Düsseldorf
Posição Diretor-esportivo (Ex-goleiro)
Clubes de juventude
1986–1987
1987–1988
1988–1989
1989–1991
SC Zwiesel
Munique 1860
Bayern de Munique
FC Vilshofen
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1991–1993
1993–1994
1994–1995
1994–1995
1995
1995
1996
1997
1997
1997
1997
1997
1998
1998–1999
2000
2000–2001
2001
2001
2002
2002–2003
2003
2003
2003
2004
2004–2006
2006
2006
2007
2007
2008
2008
2008
2009
2009–2011
1. FC Bad Kötzting
Penang FA
Wimbledon
Milan (emp.)
Nottingham Forest
Sint-Truiden
Hamrum Spartans
Sembawang Rangers
Orlando Pirates (emp.)
Nottingham Forest
TPV
Haka
Nottingham Forest
Wacker Burghausen
Geylang International
Dunedin Technical
Bradford Park Avenue (emp.)
Huddersfield Town
Dunedin Technical
ASV Cham (emp.)
Bradford Park Avenue
Dunedin Technical
Bærum (emp.)
Calgary Mustangs
Otago United
Vllaznia Shkodër
Bentonit Ijevan
Bærum
Vancouver Whitecaps
Hermann Aichinger
Floya
Flekkerøy IL
Manglerud Star
Ramblers
68 (0)
12 (0)
12 (0)

0 (0)



7 (0)
0 (0)
8 (0)
0 (0)
0 (0)
14 (0)
46 (0)
18 (0)
1 (0)
0 (0)
18 (0)
12 (0)
14 (0)
18 (0)
13 (0)
28 (0)
36 (0)
14 (0)
12 (0)
9 (0)
4 (0)
24 (0)

14 (0)
11 (0)
45 (0)
Seleção nacional
1986–1987 Alemanha Sub-17 5 (0)
Times/Equipas que treinou
2007
2008
2008–2009
2009
2009–2010
2009–2010
2011–2018
2018–
Bentonit Ijevan (jogador-treinador)
Flekkerøy IL (auxiliar técnico)
Cuba (treinador de goleiros)
Manglerud Star (treinador de goleiros)
Ramblers (treinador e diretor técnico)
Namíbia (treinador de goleiros)
TSG 1899 Hoffenheim (olheiro)
Fortuna Düsseldorf (diretor esportivo)








É conhecido mundialmente por ter sido o primeiro jogador e único até o momento, a ter jogado profissionalmente nos 6 continentes da FIFA[2]: UEFA (Europa), AFC (Ásia), CAF (África), CONCACAF (América do Norte e Caribe), Conmebol (América do Sul) e OFC (Oceania), tendo em seu currículo 28 equipes em 16 países[3]: Alemanha, Inglaterra, Nova Zelândia[4], Singapura, Malásia, Brasil, África do Sul, Finlândia, Malta, Bélgica, Canadá, Namíbia, Noruega, Itália, Armênia e Albânia, sendo o primeiro e único atleta a ter passado por equipes profissionais de todos os continentes, sendo considerado ídolo em seis (Geylang International, Bradford Park Avenue, Penang FA, Dunedin Technical, Vancouver Whitecaps, Hermann Aichinger e Ramblers). Apesar de ser considerado lento e alto (mede 1,87 de altura), Lutz compensava a lentidão com calma, tranquilidade e liderança.

Passou pelas seleções de base da Alemanha[5], quando atuava no Munique 1860. Ele ainda passou pelo Bayern de Munique, mas só virou profissional em 1991 no 1. FC Bad Kötzting, e em 1993 começou sua volta ao mundo: Penang FA (Malásia), Wimbledon, Nottingham Forest (ambos da Inglaterra), Milan (Itália - empréstimo), Sint-Truiden (Bélgica), Hamrum Spartans (Malta), Sembawang Rangers (Singapura), Orlando Pirates (África do Sul), TPV, Haka (ambos da Finlândia), Wacker Burghausen, Geylang United (Singapura), Dunedin Technical (Nova Zelândia, onde teve 3 passagens), Bradford Park Avenue (2 passagens), Huddersfield Town (Inglaterra), ASV Cham (por empréstimo), Bærum (Noruega - novamente 2 passagens), Calgary Mustangs (Canadá), Otago United (Nova Zelândia), Vllaznia Shkodër (Albânia), Bentonit Ijevan (Armênia), onde foi técnico-jogador, Vancouver Whitecaps (Canadá), Hermann Aichinger (Brasil), onde bateu o recorde mundial, Floya, Flekkerøy IL, Manglerud Star (todos da Noruega) e Ramblers (Namíbia)[6], onde foi treinador e jogador e se aposentou em 2011, aos 38 anos. O recorde foi batido em 2018 pelo atacante uruguaio Sebastián Abreu, quando fechou contrato com o Audax Italiano (Chile).

Antes de se aposentar, ainda foi treinador assistente do Flekkerøy IL e treinador de goleiros das seleções de Cuba e Namíbia, além de ser olheiro e diretor de relações internacionais do Hoffenheim entre 2011 e 2018, e foi também comentarista da TV ZDF nas Copas de 2010 e 2014. Atualmente, o ex-goleiro é diretor-esportivo do Fortuna Düsseldorf[7].

Em 1999 escreveu um livro chamado "Unhaltbar — Meine Abenteuer als Welttorhüter", contando suas aventuras e histórias incríveis através dessas culturas.

CuriosidadesEditar

  • Durante sua passagem pelo futebol de Singapura, o goleiro foi suspenso por 101 dias em 1999, por envolvimento em manipulação de resultados.
  • Em 2002, sofreu uma parada respiratória em decorrência de um choque com o atacante Clayton Donaldson, no jogo entre o Bradford Park Avenue e o Harrogate Town. O árbitro da partida, Jon Moss, decidiu abandonar o jogo e Lutz chegou a ser declarado morto, porém se recuperou e voltou aos treinos.
  • Em 2016, Lutz negou em entrevista que o atacante Roberto Firmino foi contratado pelo Hoffenheim em 2011 por influência do jogo Football Manager, alegando que houve uma confusão[8].

LinksEditar

Referências

  1. «Lutz Pfannenstiel». Transfemarkt. 14 de outubro de 2019. Consultado em 14 de outubro de 2019 
  2. «Pfannenstiel – globetrotting German goalie with 24 clubs». Agence France-Presse. 26 de janeiro de 2009. Consultado em 15 de outubro de 2009 
  3. «Morte em campo, cadeia, pelado na praça e 25 times em 13 países: as histórias do "Forrest Gump" da bola» 🔗. ESPN.com.br. 6 de janeiro de 2014. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  4. «Soccer: Have ball, will travel – and there's plenty of that for goalie». The New Zealand Herald. 15 de dezembro de 2004. Consultado em 15 de outubro de 2009 
  5. Pfannenstiel, Lutz (26 de setembro de 2009). «Malaysia wirkte auf Pfannenstiel wie eine Droge». Die Welt (em alemão). Consultado em 15 de outubro de 2009 
  6. «Globetrotter Pfannenstiel zieht es nach Afrika». Focus (em alemão). 5 de outubro de 2009. Consultado em 15 de outubro de 2009 
  7. (em alemão) https://www.f95.de/verein/struktur/vorstand/. Consultado em 24 de junho de 2016. Cópia arquivada em 28 January 2016  Parâmetro desconhecido |url-status= ignorado (ajuda); Verifique data em: |arquivodata= (ajuda); Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  8. «Olheiro que descobriu Firmino para Hoffenheim nega influência de jogo». GloboEsporte.com. 19 de novembro de 2016. Consultado em 19 de novembro de 2016 
   Este artigo sobre futebolistas alemães é um esboço relacionado ao projeto desporto. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.