Abrir menu principal

Mário Gennari Filho

Mário Gennari Filho
Nome completo Mário Gennari Filho
Nascimento 7 de julho de 1929
São Paulo, SP
Morte junho de 1989 (59 anos)
São Paulo, SP
Nacionalidade brasileiro
Ocupação músico
Carreira musical
Gravadora(s) Colúmbia
Continental
Odeon

Mário Gennari Filho (São Paulo, 7 de julho de 1929 – São Paulo, junho de 1989) foi um compositor e multi-instrumentista brasileiro.[1]

Foi um exemplo de superação pois, apesar de ser um deficiente visual, tornou-se um excelente instrumentista, que tocava acordeom, violão, piano, solovox e guitarra havaiana.[2]

Criou um conservatório de acordeom na cidade de São Paulo, em parceria com a também acordeonista Rosani M. de Barros. Trabalhou em rádio (Rádio Tupi e Rádio Difusora) e televisão (TV Tupi).[3]

Gravou inúmeros discos; ao todo foram 62 discos de 78 rotações, de 1943 a 1963. Recebeu diversos prêmios como melhor instrumentista, entre eles o Prêmio Roquete Pinto.[4]

Referências

  Este artigo sobre um(a) compositor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.