Abrir menu principal
Mécia de Sena
Nome completo Maria Mécia de Freitas Lopes
Nascimento 16 de março de 1920 (99 anos)
Leça da Palmeira, Portugal Portugal
Cônjuge Jorge de Sena (1949, 9 filhos)
Género literário Romance
Magnum opus Entrevistas de Jorge de Sena

Maria Mécia de Freitas Lopes (Leça) (Leça da Palmeira, 16 de março de 1920), é uma escritora e epistológrafa portuguesa.

BiografiaEditar

É filha do músico e compositor folclorista Armando Leça[1] e da violoncelista Irene Freitas e irmã do crítico literário e historiador da literatura Óscar Lopes e do historiador, cronista e memorialista militar Ten.-Cor. Rui Silvino de Freitas Lopes.

Formada em Ciências Histórico-Filosóficas pela Universidade de Lisboa, foi professora do ensino secundário[2]. Após cinco anos de noivado, aos 28 anos de idade casou no Porto com Jorge de Sena a 12 de Março de 1949, com quem iria ter nove filhos. O casal viveu em Portugal, no Brasil e nos Estados Unidos, tendo viajado pela Europa e pela África (Moçambique).

Depois de enviuvar tornou-se a organizadora do espólio literário de seu marido e editora da correspondência dele com importantes figuras das letras portuguesas e brasileiras. Editou também uma antologia das cartas que trocara com o esposo. As edições da sua correspondência prosseguiram com as cartas enviadas a João Gaspar Simões, as cartas trocadas entre o casal no Brasil e estão em preparação as cartas do casal durante o período americano.

ObraEditar

  • Mécia de Sena / Jorge de Sena, Isto Tudo que nos Rodeia (Cartas de amor), Lisboa: INCM, 1982.
  • Mécia de Sena & Isabel Maria de Sena, Jorge de Sena: bio-bibliografia, Quaderni Portoghesi 13-14. Pisa: Giardini, 1977, p. 13-22.
  • Correspondência Jorge de Sena e Mécia de Sena 'Vita Nuova' (Brasil, 1959-1965), org. Maria Otília Pereira Lage, Porto: Universidade do Porto - FLUP-CITCEM e Ed. Afrontamento, 2013.
  • João Gaspar Simões / Jorge de Sena, Correspondência 12943-1977, incluindo o carteio com Mécia de Sena, org. Filipe Delfim Santos, Lisboa: Guerra&Paz, 2013.

BibliografiaEditar

Referências

  1. Armando Leça[ligação inativa]
  2. Revista COLÓQUIO/Letras n.º 80 (Julho de 1984), pág. 1.
  Este artigo sobre um(a) escritor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.