Abrir menu principal
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde outubro de 2015). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Em teoria dos conjuntos, o mínimo de um conjunto ordenado é o menor dos seus elementos relativamente a essa ordem.

Um conjunto pode não ter nenhum elemento mínimo, mas se este existir, é único.

Mínimo de um conjunto de números naturaisEditar

O Princípio da boa-ordenação afirma que qualquer subconjunto de   possui um elemento mínimo.

ExemplosEditar

  • O mínimo dos intervalos [a,b] e [a,b) é a.
  • Os intervalo (a,b] e (a,b) não têm mínimos.
  • O mínimo de   é 1 (ou 0, se considerarmos que  
  •  ,  ,   não têm mínimo.
  • Não faz sentido falar de mínimo de um conjunto de números complexos, já que   não é um corpo ordenado.

Ver tambémEditar