Maria Isabel, Duquesa da Saxônia

Maria Isabel da Saxônia (Dresden, 22 de novembro de 1610 – Husum, 24 de outubro de 1684) foi duquesa consorte de Holsácia-Gottorp, como a esposa do Duque Frederico III de Holsácia-Gottorp.

Maria Isabel
Duquesa de Holsácia-Gottorp
Marial Isabel, Duquesa de Holsácia-Gottorp
Nascimento 22 de novembro de 1610 (411 anos)
  Dresden, Saxônia, Alemanha
Morte 24 de outubro de 1648 (37 anos)
  Husum, Nordfriesland, Eslésvico-Holsácia, Alemanha
Cônjuge Duque Frederico III de Holsácia-Gottorp
Descendência Sofia Augusta
Madalena Sibila
Marie Isabel
Edviges Leonor
Ana Doroteia
Cristiano Alberto, Duque de Holsácia-Gottorp
Augusto Frederico
Augusta Maria
Casa Wettin
Pai João Jorge I, Eleitor da Saxônia
Mãe Madalena Sibila da Prússia
Religião Luterana

BiografiaEditar

Ela era filha de João Jorge I, Eleitor da Saxônia, e sua esposa, a Princesa Madalena Sibila da Prússia. Ela ficou noiva em 1627, e casou-se em 1630. Seu casamento foi arranjado pela rainha viúva dinamarquesa, Sofia, e a duquesa viúva da Saxônia, Edviges da Dinamarca. No seu dote, estavam pinturas de Lucas Cranach, o Velho.

Em 1659, ela tornou-se uma viúva, e em 1660 se mudou para o Castelo de Wittum Husum. Sua casa em Husum, se tornou conhecida como um centro de cultura, e ela própria, uma patronesse destacada. Ela produziu uma interpretação da Bíblia, em 1664.

Casamento e descendênciaEditar

Ela casou-se em 21 de fevereiro de 1630, com o Duque Frederico III de Holsácia-Gottorp e teve dezesseis filhos:

  1. Sofia Augusta (5 de dezembro de 1630 – 12 de dezembro de 1680), casou-se, em 16 de setembro de 1649, com João VI, Príncipe de Anhalt-Zerbst. Foi mãe de João Luís I, Príncipe de Anhalt-Dornburg, avó de Cristiano Augusto, Príncipe de Anhalt-Zerbst e bisavó de Catarina II da Rússia.
  2. Madalena Sibila (24 de novembro de 1631 – 22 de setembro de 1719), casou-se, em 28 de novembro de 1654, com Gustavo Adolfo, Duque de Mecklenburg-Güstrow. Foi mãe de Luísa de Mecklenburg-Güstrow, Rainha da Dinamarca.
  3. João Adolfo (29 de setembro de 1632 – 19 de novembro de 1633).
  4. Marie Isabel (6 de junho de 1634 – 17 de junho de 1665), casou-se, em 24 de novembro de 1650, com Luís VI, Landegrave de Hesse-Darmstadt.
  5. Frederico (17 de julho de 1635 – 12 de agosto de 1654).
  6. Edviges Leonor (23 de outubro de 1636 – 24 de novembro de 1715), casou-se, em 24 de outubro de 1654, com o Rei Carlos X, da Suécia.
  7. Adolfo Augusto (1 de setembro de 1637 – 20 de novembro de 1637).
  8. João Jorge (8 de agosto de 1638 – 25 de novembro de 1655).
  9. Ana Doroteia (13 de fevereiro de 1640 – 13 de maio de 1713).
  10. Cristiano Alberto, Duque de Holsácia-Gottorp (3 de fevereiro de 1641 – 6 de janeiro de 1695).
  11. Gustavo Ulrico (16 de março de 1642 – 23 de outubro de 1642).
  12. Cristina Sabina (11 de julho de 1643 – 20 de março de 1644).
  13. Augusto Frederico (6 de maio de 1646 – 2 de outubro de 1705), Príncipe-Regente de Eutin e Príncipe-Bispo de Lubeque, casou-se, em 21 de junho de 1676, com Cristina de Saxe-Weissenfels (filha de Augusto, Duque de Saxe-Weissenfels, e sua mulher, Ana Maria de Mecklenburg-Schwerin). Sem descendência.
  14. Adolfo (24 de agosto de 1647 – 27 de dezembro de 1647), gêmeo de Isabel Sofia.
  15. Isabel Sofia (24 de agosto de 1647 – 16 de novembro de 1647), gêmea de Adolf.
  16. Augusta Maria (6 de fevereiro de 1649 – 25 de abril de 1728), casou-se, em 15 de Maio de 1670, com Frederico VII, Margrave de Baden-Durlach.

AscendênciaEditar

Referências