Abrir menu principal
Martín Lousteau
Martín Lousteau
Ministro da Economia da Argentina Argentina
Período 10 de dezembro de 2007
até 24 de abril de 2008
Presidente Cristina Fernández de Kirchner
Antecessor Miguel Peirano
Sucessor Carlos Fernández
Dados pessoais
Nascimento 8 de dezembro de 1970 (49 anos)
Buenos Aires
Alma mater London School of Economics
Cônjuge Carla Peterson
Partido União Cívica Radical
Religião Agnóstico
Profissão Doutor em Economia

Martín Lousteau (Buenos Aires, 8 de dezembro de 1970) é um economista, diplomata e político argentino. Foi secretário da Produção e Presidente do Banco da Província de Buenos Aires na gestão do governador portenho Felipe Solá. Em seguida, foi nomeado Ministro da Economia da Argentina, cargo que exerceu entre 10 de dezembro de 2007 e 24 de abril de 2008, durante a presidência de Cristina Fernández de Kirchner.

Atualmente, Lousteau é deputado nacional pela cidade de Buenos Aires. Em 2015, foi candidato a prefeito de Buenos Aires pela coalização ECO, mas acabou derrotado pelo governista Horacio Rodríguez Larreta [1]. Durante o primeiro ano do governo do presidente Mauricio Macri foi nomeado embaixador da Argentina nos Estados Unidos.

Em 2019, Lousteau foi eleito senador pela Cidade de Buenos Aires, integrando a coligação Mudemos.

Livros PublicadosEditar

  • Martín Lousteau y Javier González Fraga. Sin atajos. [S.l.]: Temas Grupo Editorial 2005. ISBN 9509445126 
  • Martín Lousteau. Hacia un federalismo solidario. [S.l.]: Temas Grupo Editorial 2003. ISBN 987916489X 
  • Martín Lousteau. Economía 3D: una nueva dimensión para tus preguntas de siempre. [S.l.]: Sudamericana 2011. ISBN 9789500733694 
  • Martín Lousteau y Sebatían Campanario. Otra vuelta a la economía. [S.l.]: Sudamericana 2012. ISBN 9789500740722 

Referências

  1. «Por qué en el PRO ya hablan del "dilema Lousteau"». Perfil. Consultado em 9 de dezembro de 2018 
  Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.